top of page

VEJA TODOS OS MEUS
DIÁRIOS DE VIAGEM

Registrei cada passo das minhas viagens em um grande relato - cada viagem tem um nome especial!

Ita Center Park

O Ita Center Park foi meu segundo parque itinerante visitado, sendo o meu primeiro o Playcity. O parque costuma ir às cidades de Belém e Goiânia por ano, além de marcar a presença em feiras agropecuárias. Instalado próximo ao Shopping Flamboyant em Goiânia, possui estacionamento gratuito.

O Ita contava com uma boa variedade de brinquedos, entre eles uma novidade sensacional: o Skip Dance, um saltamontes com assentos individuais onde os movimentos são muito superiores ao saltamontes original (igual ao existente no Mirabilandia). Além dele, o King Loop, uma espécie de Crazy Dance onde as cadeiras fazem loops de acordo com a força G imposta durante os giros, também é uma ótima aposta para atrair os que procuram muita adrenalina com brinquedos não muito convencionais.

Brinquedos não convencionais fazem o Ita Center Park um parque itinerante não convencional. Seu leque de brinquedos é de dar inveja a muitos parques itinerantes por aí, possuindo ainda um Move It, um Cataclisma e um Loop Fighter (Freestyle). Além deles, os tradicionais tagadisco e Amor express, que por sinal esse último é um modelo único no Brasil.

O Kataclisma do Ita Center Park difere do que pertenceu ao Playcenter. Sua base é giratória, fazendo os aventureiros que o encaram perderem completamente a sensação de onde estão. Porém, não é só ele que possui um fator surpresa. O Freestyle, apesar de parecer apenas um balanço gostoso à primeira vista, à medida que pega velocidade, faz com que em um determinado momento, suas cadeiras girem 360 graus, dando um loop, e um tranco muito forte.

Para ver o Ita de cima, a Zyklon Loop e a Roda-Gigante, que por sinal é muito rápida, cumprem muito bem seu papel. A Zyklon possui um loop bastante intenso e é bem tranquila após a passagem pela inversão. Vale lembrar que o parque não oferece uma única árvore em todo seu terreno, entretanto, para fornecer sombra e descanso na hora da alimentação, o Ita possui tendas equipadas com bancos.

O Ita oferecia muitas opções de alimentação para um parque itinerante. Pizzas, salgados variados, milkshakes, cachorro quente, churros, além dos tradicionais maçã-do-amor e pipoca. Os preços são justos para o que parque oferece, principalmente os 35 reais cobrados no passaporte. Além disso, os preços da alimentação são bastante baratos, entretanto fique de olho em como seu lanche é preparado e manuseado.

Em relação a filas, a operação do Ita em sua maioria é bem rápida, fazendo elas ficarem com um comprimento bastante pequeno. Quando ela não existia, os brinquedos possuíam um tempo de duração maior. Entretanto, a operação do Skip Dance e do King Loop eram bastante demoradas, pois faltavam funcionários para fechar de forma ágil a quantidade de travas do brinquedo.

O horário de funcionamento (15h/17h às 22h) é suficiente para se aproveitar todo o Ita, quando vazio. Quando acontece do parque ter um público maior, o horário pode ficar apertado. Para amenizar esse problema, o Ita abre duas horas mais cedo nos fins de semana.

Entretanto, o ambiente do Ita deixa a desejar quando o assunto é animação. Apesar do parque ter sua própria rádio, as caixas de som não possuem volume muito alto, fazendo com que a maioria dos brinquedos fiquem apenas com os barulhos mecânicos. Porém, o Ita tem elementos bacanas, como bancos embaixo de árvores artificiais iluminadas. E infelizmente, os banheiros contavam com graves falhas de higiene.

Outro ponto baixo é a conservação dos brinquedos em questão a iluminação e estado das travas. Brinquedos mais antigos como o Kataclisma e Move It possuíam travas com o emborrachamento danificado, sendo que no Kataclisma foi utilizado fita adesiva para cobrir a parte danificada. No Move It, o circuito de iluminação do brinquedo em si não funcionou durante os dois dias de visita. Além disso, um ponto bastante negativo foi o apoio de todos os brinquedos em tocos/pedaços de madeira, ao invés de concreto.

Além disso, a roda-gigante possuía lâmpadas grandes apagadas, assim como o Amor Express e o King Loop. Nos brinquedos mais novos, como o Freestyle (Loop Fighter/The King), o Skip Dance e o Music Dance, tudo era bastante conservado e com tudo aceso. A atração com a pior conservação constatada foi a fun-house Benny Hill 2, que contava com várias partes quebradas.

O Ita está em franca renovação, o que o faz ser um belo destaque no ramo de parques itinerantes do nosso país. Com brinquedos inéditos, além de muitíssimos divertidos, como no caso do Skip Dance e de uma adrenalina extrema, como o King Loop e o Freestyle, vale muito a pena ir aonde o Ita estiver.


---

Resumão do Ita Center Park:

Alimentação: Fast-food e doces.

Por onde costumar estar: Estado de Goiás ou Estado de São Paulo.

Dica campeã: A partir das 18h é sempre mais divertido! O parque já está um pouco mais cheinho nesse horário, dessa forma não é necessário esperar muito para encher as atrações.

Filas: tranquilas (-30 min).

Melhores atrações: Evolution, Freestyle e Kataclisma.

Melhores meses para visitar: Todos.

Preço: R$ 40,00

86 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Valleyfair

Comments


StormRunner.jpg

SE SENTIU INSPIRADO? VAMOS VIAJAR!

Conheça nossa agência de viagens!

Na Scream!, você encontra a forma que mais se adequa para você viajar: seja de excursão ou comprando um pacote! Te falei que dá para montar seu próprio pacote e comprar ingressos para os melhores parques espalhados pelo mundo? Ah, tem mais! Dá para você ter seu próprio roteiro personalizado!

bottom of page