top of page

VEJA TODOS OS MEUS
DIÁRIOS DE VIAGEM

Registrei cada passo das minhas viagens em um grande relato - cada viagem tem um nome especial!

Walt Disney World - Magic Kingdom

Atualizado: 29 de jan. de 2022

Parque temático com a maior visitação mundial, e um dos dez destinos mais visitados do planeta, o Magic Kingdom é o coração do Walt Disney World. Projetado por Walt Disney para ser uma Disneyland melhorada, o parque reúne inúmeras experiencias inesquecíveis para todas as idades, sendo muito difícil aproveitá-lo todo em único dia. Porém, existem alguns truques para conseguirmos driblar a multidão e viver um dia maravilhoso no lugar mais mágico da Terra!

Quem pensa que as férias na Disney é sinônimo de descanso, pensa errado. Se você quiser que realmente seu investimento valha a pena, é necessário seguir basicamente uma rotina de exército. Acordar cedo é o primeiro passo, principalmente porque para uma visita começar com o pé direito, é necessário chegar pelo menos uma hora antes da abertura no estacionamento do Magic Kingdom.

Em seu planejamento, Walt Disney gostaria que os visitantes tivessem a impressão que o Magic Kingdom era um reino distante, logo somente é possível chegar em sua entrada através de um monotrilho (pegue se estiver com pressa) ou de barco (lindo passeio pelo lagoa), partindo do estacionamento. Caso o visitante seja hóspede de algum hotel do Walt Disney World, é possível chegar de ônibus bem ao lado da entrada.

Sua entrada é única, então pare para tirar fotos. Cruzados os portões do Reino Mágico, a imensidão do lugar impressiona. Uma linda grande rua em estilo cidade do interior americano com um imenso castelo no fundo lhe dá as boas-vindas.

O Magic Kingdom possui muitas sessões de fotos com diversos personagens. É extremamente recomendado pegar o Times Guide, junto aos mapas, no início do dia para não se perder nos horários (ou acompanhar tudo via aplicativo My Disney Experience). Até porque, já na praça logo após a entrada dois encontros com personagens acontecem. No City Hall, Mickey e TinkerBell. Bem em frente, do lado de fora, personagens aleatórios aparecem durante o dia.

Caso não queira andar muito, não hesite em pegar o passeio de trem da Walt Disney World Railroad, localizada no lindo edifício da entrada. A ferrovia tem mais duas estações, uma na Fantasyland e outra na Frontierland.

Entretanto, admitindo que a visita seja feita da forma original e clássica, caminhando pela Main Street, é importante ter uma atenção especial às lojas. A Emporium, ao lado esquerdo, é a maior loja de souvenires dentro de um parque Disney no mundo. As outras lojas são padarias, cafeterias e sorveterias de um nível alto, portanto não deixe de experimentar os deliciosos quitutes. Inclusive, a Ice Cream Parlor, localizada ao fim da Main Street à direita, te dá uma linda pia em formato das calças do Mickey, contanto que você compre um monte de sorvete.

No mapa, a linha de pontos que percorre a Main Street e a Frontierland mostra o trajeto da Festival of Fantasy Parade. Consulte o horário no Times Guide e chegue aproximadamente 30 minutos antes para pegar um bom lugar ao longo da Main Street (aconselho ficar em frente ao Hall of Presidents, na Liberty Square).

Ao final da Main Street, uma grande praça dá acesso a outras quatro áreas do Magic Kingdom. Porém, antes de escolher o rumo da visita, pare em dois pontos obrigatórios: na estátua de Walt Disney com Mickey e claro, no Castelo da Cinderela. Não é possível entrar dentro do Castelo, exceto se você tiver uma reserva no Cinderella's Royal Table, o restaurante mais disputado de todo o resort! Faça essa reserva no app My Disney Experience com no mínimo 1 ano de antecedência da sua visita. Ao passar pelos portões do Castelo, é possível conferir nas paredes a história da Cinderela.

Atravessando a ponte que leva à Adventureland, terra das aventuras, percebe-se a maestria do Magic Kingdom em fazer o visitante sentir-se em um local real. Entupida de árvores, a área temática lembra muito o Animal Kingdom. Nela, localiza-se a atração Pirates of the Caribbean, que deu origem ao filme. Completamente no escuro, o barco percorre diversos cenários animatrônicos muitíssimos divertidos. Tente achar os inúmeros "Capitães Jack Sparrow" localizados dentro do brinquedo.

Walt Disney gostaria de uma atração que reproduzisse o passeio pelos principais rios do mundo, e assim nasceu o Jungle Cruise, uma viagem de barco por uma floresta cheia de cenários. Apesar de não oferecer emoção, pode divertir um pouco caso o capitão do barco seja engraçado. Outra atração clássica é a Enchanted Tiki Room, uma sala dominada por bonecos animatrônicos de aves e flores.

Para crianças exploradoras, duas atrações podem agradá-las: a Swiss Family Treehouse, uma gigantesca casa na árvore e a Pirates Adventure: Treasures of the Seven Seas, uma caça ao tesouro por toda a Adventureland, similar ao World Showcase Adventure, no Epcot. As que gostam de altura podem se aventurar no The Magic Carpets of Aladdin, um carrossel de tapetes que sobem e descem. Não deixe de tirar uma foto com Aladdin e Jasmine, além de Peter Pan.

Inspirada no Velho Oeste americano, a Frontierland guarda duas atrações emocionantes, que podem ser aproveitadas por toda a família: a Splash Mountain e a Big Thunder Mountain Railroad. Apesar de parecer assustadora pelo lado de fora, a Splash Mountain é bem tranquila. A maior parte do passeio são animatrônicos musicais, e algumas poucas quedas d'águas. Entretanto, a última queda molha bastante, principalmente no verão, além de fazer óculos e bonés voarem.

A Big Thunder Mountain Railroad é a atração mais intensa de todo o Magic Kingdom. Como é uma montanha-russa ao estilo de trem de mineração, seus trilhos provocam uma tremedeira muito forte, causando forte dor de cabeça em pessoas mais sensíveis. Tenho um carinho muito grande por ela, já que a Big Thunder foi a primeira montanha-russa que andei na vida!

A Liberty Square abriga uma das mais icônicas atrações de parques Disney: a The Haunted Mansion, que deu origem ao filme Mansão Mal-Assombrada, estrelado por Eddie Murphy. Contudo, a atração está longe de meter medo, sendo muito engraçada e divertida. Dica: interaja com os fantasmas assim que sua cadeira passar por um corredor de espelhos.

Uma atração completamente dispensável é a Hall of Presidents, uma casa com os bonecos animatrônicos de todos os presidentes dos Estados Unidos (sério, são 40 minutos dos presidentes dos EUA falando). Já o Liberty Square Riverboat oferece um bonito passeio por um rio, sendo recomendável somente para idosos e adultos. A princesa Tiana e a dupla Tico e Teco fazem sessões de fotos perto do "The Diamond Horsehoe".

Se o Magic Kingdom é o coração do Walt Disney World, a Fantasyland é o cérebro. Principal área do parque, concentra a maioria dos brinquedos infantis, inspirados nos diversos clássicos de animação da Disney. A atração mais icônica é o "it's a small world", o passeio por cenários de diversos lugares do mundo com bonecos animatrônicos cantarolantes.

Caso vá somente com criança, todas as atrações da área, como o Prince Charming Regal Carrousel, The Many Adventures of Winnie the Pooh e o Peter Pan’s Flight (vá no início ou final do dia!) são imperdíveis. As duas últimas são dark rides que contém cenários de seus respectivos filmes.

O divertido Mickey’s PhilharMagic é um cinema 3D com um filme rápido recheado de trapalhadas feitas pelos amigos de Mickey. Contudo, o tempo de espera para o filme começar é grande. Já a Mad Tea Party são as tradicionais xícaras malucas, comandadas pelo Chapeleiro Maluco. Aproveite para tirar foto com a Alice e seus amigos perto dessa atração.

Para as meninas, o Magic Kingdom oferece a Bibbidi Bobbidi Boutique, um salão de beleza, pago e bem caro, que as transforma em uma princesa Disney. Para ter acesso a esse salão é necessário reservar com antecedência (mais ou menos 3-5 meses) pelo telefone 00 1 407-939-7895. Além disso, o Princess Fairytale Hall oferece sessões de fotos com Anna, Elsa, Cinderela e Rapunzel. Caso queira encontrar Merida, de Valente, procure no Fairytale Garden.

A Seven Dwarfs Mine Train e a Barnstormer são montanhas-russas muitíssimas tranquilas, sem solavancos ou grandes quedas. A primeira possui uma linda tematização baseada em Branca de Neve e Sete Anões, e tem uma das maiores e mais demoradas fila do parque. Dê prioridade a essa atração no começo da sua vida, porque a sua tendência é sempre piorar. A Barnstormer, do Pateta, é apenas uma montanha-russa infantil comum, com sua fila chegando a aproximadamente meia hora.

O lindo castelo da Fera abriga em sua base o restaurante Be Our Guest, que trabalha com o sistema de reservas. Qualquer refeição dentro dele é ótima, mas na janta é quando a Fera aparece! Procure fazer sua reserva com 4 meses de antecedência, no máximo. Perto dali, o Enchanted Tales with Belle proporciona as crianças histórias interativas relacionadas a animação da Bela e a Fera. Inclusive, elas podem ainda ser os próprios astros da história!

Under the Sea: Journey of The Little Mermaid é um dark ride com cenários e bonecos animatrônicos do filme da Pequena Sereia. Ao seu lado, em uma pequena caverna, Ariel tira fotos com os visitantes.

Um dos brinquedos mais icônicos do Magic Kingdom, o Dumbo the Flying Elephant, agora é duplo, permitindo uma linda visão da subárea Storybook Circus. Perto dali existe um playground aquático e o Pete’s Silly Sideshow, uma tenda de circo com sessões de fotos de Mickey e seus amigos em trajes circenses.

É importante reafirmar que nenhuma atração da Fantasyland deve satisfazer adolescentes. Para eles, a Tomorrowland, área dedicada ao futuro, pode ser mais indicada. É lar da clássica Space Mountain, uma montanha-russa no escuro cheia de efeitos especiais, curvas bruscas e altas velocidades. Possui sempre o maior tempo de fila do Magic Kingdom, portanto, reserve sua visita para o final da tarde. Essa é minha atração favorita de todo o Magic, especialmente pelo fato de ser no escuro e cheia de curvas repentinas!

Quem sempre sonhou em pilotar um carrinho de autorama, pode realizar o sonho na Tomorrowland Speedway. Opções mais leves incluem o Astro Orbiter, uma espécie de telecombate turbinado, e o Carousel of Progress. Essa última é a atração mais ignorada de todo o Magic Kingdom, sem nenhuma fila em qualquer hora do dia. Walt Disney deixou ordenado que esse brinquedo jamais deveria ser removido, por ensinar as crianças a história do progresso no mundo de maneira simplificada.

A Tomorrowland também reserva atrações engraçadas e divertidas, como o Monsters Inc. Laugh Floor, um stand-up de comédia apresentado pelo Mike e o Buzz Lightyear’s Space Ranger Spin, um brinquedo de tiro ao alvo parecido com o Toy Story Midway Mania do Disney's Hollywood Studios.

Se alimentar no Magic Kingdom não é tarefa difícil, porém não é tampouco saudável. O parque concentra em sua maioria lanchonetes e restaurantes servindo apenas fast-food americano e massas gordurosas. Caso queira algo mais refinado, procure o Be Our Guest ou o Crystal Palace.

Ao final do dia, assistir ao Happily Ever After é obrigatório. Apesar do Wishes ter causado mais impacto na minha vida, o Happily é carregado de uma poderosa trilha sonora, e o show faz até o adulto mais durão chorar ao retratar o momento de concretizar nossos sonhos. Não deixe de pensar no que você pode fazer para ter seu final feliz! Para obter melhor visão do show de fogos, fique bem no meio da Main Street. Já para obter melhor visão das projeções, fique na praça central.

O Magic Kingdom tem um horário de funcionamento arrebatador, das 9h à 0h. Entretanto, devido as longas filas em todas as atrações, que passam fácil dos 30/45 minutos, é impossível curtir todo o parque em um só dia. Dois seriam o necessário, mas caso não possa, visite as atrações em negrito, que já terá um dia memorável.


---

Resumão do Magic Kingdom:

Alimentação: Fast-food, restaurantes com buffet (self-service) e restaurantes à la carte.


Meu lugar favorito para comer é o Cosmic Ray's Starlight Café, que fica localizado na entrada da Tomorrowland perto do Mad Tea Party. Outros lugares que costumam ter filas tranquilas é o Pecos Bill Tall Tale Inn and Cafe, que fica perto da Splash Mountain. Não deixe de experimentar o cachorro quente do Casey's Corner na Main Street e pegar sua pia-do-Mickey ao comprar um baita sorvetão na Ice Cream Parlor, também na Main Street.


Duas ótimas opções com personagens são o Crystal Palace (turma do Tigrão e Pooh junto com personagens da Alice) e o Be Our Guest (com a Fera, somente na janta). Recomendo fazer a reserva do Be Our Guest com aproximadamente 6 meses de antecedência. A refeição com as princesas, no Cinderella's Royal Table (dentro do Castelo) deve ser reservada com 1 ano de antecedência e é paga no momento da reserva.


As reservas podem ser feitas através do aplicativo My Disney Experience ou via website.

Como chegar: O aeroporto mais próximo é o de Orlando (MCO). Para chegar ao parque, é recomendável ir de carro ou Uber. Se você ficar hospedado em um resort do Walt Disney World, pode pegar os ônibus oficiais do complexo.

Dica campeã: O aplicativo My Disney Experience é o seu melhor amigo ao visitar o Walt Disney World. Fique de olho nele sempre, porque ele mostra em tempo real aonde estão e quais são os personagens para tirar foto, os tempos de fila das atrações, os fast-pass disponíveis, aonde estão os fotógrafos do PhotoPass, etc.

Filas: moderadas (+60min) a pesadas (+120min). Dê preferência em chegar ao parque pela manhã cedo e correr para Seven Dwarfs Mine Train. Outra atração com uma fila problemática é o Peter Pan's Flight.

Melhores atrações: Space Mountain, Big Thunder Mountain Railroad e Splash Mountain (para família toda) // Seven Dwarfs Mine Train, Peter Pan's Flight e Enchanted Tales with Belle (para crianças).

Melhores meses para visitar: Maio, Junho e Outubro.

Melhor ordem de brinquedos dentro do parque: Seven Dwarfs Mine Train / Peter Pan's Flight / Haunted Mansion / Big Thunder Mountain Railroad / Splash Mountain / ALMOÇO / Piratas do Caribe / Jungle Cruise / Foto no Castelo da Cinderela / "it's a small world" / Dumbo the Flying Elephant / Buzz Lightyear Space Range Spin / Space Mountain / Happily Ever After

OBS: Nem todas as atrações foram listadas. Ajuste as atrações escolhidas da forma de melhor conveniência para seus desejos. Colocar mais atrações do que a quantidade acima pode acarretar em alguma ficando de fora do seu dia!

Preço: Os ingressos do Walt Disney World são da seguinte forma:

Em relação ao tipo, eles podem ser Park Hopper, Park Hopper Plus e Non-Park Hopper.

Quando um ingresso é Park Hopper você pode ficar pulando de parque em parque em um dia, isto é, visitar mais de um parque em um dia. Você pode utilizar somente no Magic Kingdom, Animal Kingdom, Hollywood Studios e Epcot.

Quando um ingresso é Park Hopper Plus, você tem tudo que o Park Hopper faz, porém pode utilizar também no Blizzard Beach e Typhoon Lagoon.


Em relação as datas, eles podem ser:

1) Datas marcadas (Basic) - você compra de acordo com a quantidade de dias que você quer visitar os parques Disney. Você escolhe uma primeira data, e tem um período de utilização do ingresso, isto é, você tem uma data limite para ir todos os dias que comprou.

2) Datas flexíveis (Flexible) - você também compra de acordo com a quantidade de dias que você quer visitar os parques Disney, porém você tem até 14 dias para ir em todos os dias que comprou.

3) 4 dias, 4 parques (existente por tempo limitado) - você compra o ingresso que só te dá acesso a um parque diferente por dia. Você obrigatoriamente tem que visitar um parque diferente por dia, e só pode ser 4 dias.


O preço do ingresso de 1 dia Basic Non-Park Hopper é US$ 109,00 (adulto).


55 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


StormRunner.jpg

SE SENTIU INSPIRADO? VAMOS VIAJAR!

Conheça nossa agência de viagens!

Na Scream!, você encontra a forma que mais se adequa para você viajar: seja de excursão ou comprando um pacote! Te falei que dá para montar seu próprio pacote e comprar ingressos para os melhores parques espalhados pelo mundo? Ah, tem mais! Dá para você ter seu próprio roteiro personalizado!

bottom of page