top of page

VEJA TODOS OS MEUS
DIÁRIOS DE VIAGEM

Registrei cada passo das minhas viagens em um grande relato - cada viagem tem um nome especial!

Six Flags México


A rede Six Flags é o sonho de muitos parqueiros. Um sonho que às vezes se torna distante por conta da maioria dos parques estar nos Estados Unidos, e para isso precisa-se de um visto difícil de tirar um bocado de dólares. Felizmente, a existência do Six Flags México, localizado na Cidade do México, facilita um pouco a vida de todos apaixonados por parques. Sabe o que é melhor? Ele é um dos melhores em toda a rede.

O Six Flags México é um dos mais bem tematizados, quiçá o mais (mas isso depende inteiramente da sua opinião visual). Logo no início do parque, você passa os portões de arquitetura típica mexicana e entra na área temática de Pueblo Mexicano, que segue o mesmo padrão.

É altamente impossível não ficar totalmente eufórico ao entrar pelos portões e ir direto para a Superman - El Último Escape, uma hiper montanha-russa vintage que não faz feito perante as mais novas. O percurso se estende por toda a lateral do parque, e as colinas são recheadas de airtime. As curvas também são um ponto alto da montanha-russa, com boa intensidade.

Além disso, Pueblo Mexicano guarda a maior loja de souvenires do parque, recheada de lembrancinhas da Liga da Justiça e dos Looney Tunes. Os maiores lockers estão ali também, e já digo que recomendo você não deixar sua mochila ali o dia inteiro. É mais barato ir de locker em locker.

Quem gosta de mapa gigante do parque e chaveiros?


Estava frio, então não conseguimos aproveitar o Rio Selvaje, um river rapids em que a galera saía BEM molhada. Aliás, essas atrações ultimamente estão de parabéns, molhando em todos os lugares. O Baile de las Tazas (xícaras malucas) estava fechado para manutenção.

Nós seguimos direto para Pueblo Vaquero para ir na Medusa, porém a gigantesca montanha-russa híbrida estava fechada. Abriu poucos minutos depois e experimentamos uma das melhores híbridas feitas por aí! A Medusa guarda muitos pontos de ejeção e sua principal característica perante as outras híbridas é seu percurso compacto, o que lhe garante uma intensidade não muito comum as outras. Sabe outra coisa que ela se destaca? A primeira porção da sua fila é uma casa de mineradores que possui um chão não convencional: ele é todo inclinado, como numa casa maluca!

Pueblo Vaquero é a clássica área de velho oeste e guarda restaurantes excelentes (porém caros) e brinquedos bem criativos, como a Ruleta e a Rueda Índia, roda-gigante que dá para ver todo o parque lá de cima.

No Six Flags México está a melhor versão da The Dark Knight Coaster, uma montanha-russa no escuro do estilo "Wild Mouse" giratória que aproveitou todo o espaço do parque mexicano para recriar uma experiência digna de Gotham. Desde do momento em que você entra na fila, você já se sente na cidade que foi palco dos filmes da trilogia de Christopher Nolan. A tematização dela em seu interior é perfeita, e reproduz com muita fidelidade uma perseguição ao Coringa.

Ao seu redor está a área infantil de DC Super Friends e Bugs Bunny Boomtown, com brinquedos infantis tematizados com as franquias que fazem sucesso na Six Flags. A montanha-russa Superman Krypton Coaster é uma delicinha e ótima para as crianças terem seu primeiro contato com a adrenalina.

Villa Hollywood conta com os personagens mais famosos da DC Comics em atrações radicais. A área é a maior do parque e tem várias referências legais a Hollywood, como a arquitetura dos prédios e estátuas de ícones famosos do bairro de Los Angeles.

Se for um dia de calor (ou não, você quem sabe), recomendo muito ir no Aquaman Splashdown, um brinquedo aquático que causa uma enorme onda ao bater na água. Quem está do lado de fora precisa tomar muito cuidado para não se molhar, pois a onda cobre quase todo o caminho!

Pertinho do Aquaman está minha montanha-russa favorita de todo o parque: WonderWoman! Imagine: você é um vilão que voa e você está preso no Laço da Verdade da Mulher-Maravilha. Você tenta escapar se revirando para todos os lados, mas a força da Mulher-Maravilha para te prender no Laço é enorme, e você só fica dando cambalhotas sem nenhuma direção. É ESSA A SENSAÇÃO DA MONTANHA-RUSSA! Eu só conseguia rir (de desespero, talvez) cada hora que a WonderWoman fazia um movimento diferente. Cada experiência nela é única!

Depois dessa, se você não tiver muito medo de altura, o Supergirl SkyFlight te leva para rodar no ar. É no ar mesmo, gente. São 74 metros de altura e apenas concorrentes para segurar sua cadeirinha. Garanto que é tranquilo, especialmente quando você sentir aquela brisa boa na face!

Para quem já esta familiarizado com a FireWhip do Beto Carrero World, não será problema encarar a Batman: The Ride. Essa aventura do Homem-Morcego é muito semelhante à montanha-russa do Brasil, com exceção de tremer mais. São 5 inversões que vão te fazer gritar muito!

Um dos meus brinquedos favoritos, o Justice League Battle for Metropolis fica pertinho da Batman e é uma das atrações mais divertidas do Six Flags México. Com uma arminha, você precisa derrotar os vilões da Liga da Justiça em uma batalha que vale muitos pontos! Os cenários são bem maneiros e às vezes você parece que está realmente nas ruas de Metropolis.


Se você não é muito chegado em super-heróis, mas mesmo assim que sentir um monte de adrenalina nas suas veias, o Crazanity, um dos maiores "frisbees" do mundo, está lá para te balançar a 50 metros de altura. É simplesmente surreal.

Modelo muito conhecido por quem era fã do Playcenter, a Boomerang do Six Flags México foi a primeira a ser construída no mundo todo e ela carrega uma nostalgia especial. Fiquei muito feliz de poder andar numa peça da história como essa!

Ao seu lado, localiza-se um gigantesco Skycoaster e o Slingshot. Duas atrações pagas que são para quem tem coração forte, viu? Eu até hoje não consegui me ver indo num Slingshot. Coisas da vida... Nem coragem de jogar os jogos de sorte que os mexicanos tanto amam tive, mas dessa vez, era para não passar vergonha...

A área temática do Pueblo Polinésio tem as três torres mais temidas do México inteiro: Kilahuea. São 61 metros com lançamento no início e queda livre depois. SENSACIONAL! A vista lá de cima, o parque e uma infinita Cidade do México, é de tirar brilhar os olhos.

Pertinho dela, a Tsunami é uma montanha-russa bem familiar, ótima para quem não gosta de grandes alturas. Os abacaxis do Piñas Locas também divertem todo mundo! Eu, como um grande fã de abacaxi, amei esse brinquedo.

O Coringa invadiu a França na área Pueblo Francés. A principal atração é a montanha-russa giratória The Joker, onde um dos maiores vilões do Batman comprou uma fábrica abandonada e transformou ela numa fun-house! Antes de entrar na The Joker, você já fica tonto nos milhões de obstáculos que você precisa enfrentar até chegar a estação!

Já tinha visto uma tela de operação da estação de montanha-russa?

Passamos dois dias no Six Flags México, o que foi mais do que o suficiente para conhecer o parque e aproveitar o que mais gostamos. A alimentação lá dentro é bem similar aos parques dos EUA, porém temos uma grande variedade de culinária fast-food: francesa, alemã, italiana, chinesa, mexicana e estadunidense. Um dos meus locais favoritos para comer foi a lanchonete dos vilões, em frente a The Joker, e a pizzaria ao lado do Piñas Locas, que tem a maravilhosa pizza havaiana (com abacaxi).

Eu simplesmente AMO funnel cake!


Não é tão simples chegar no Six Flags México de transporte público e não acho que a economia em relação a um Uber justifique todo o perrengue. O único problema é que Uber na Cidade do México é altamente dinâmico, então esteja preparado para altas dos preços em menos de 30 segundos de diferença. O segredo é ir tentando até a abaixar.

Temos Six Flags México o ano inteiro! Visitar durante a temporada de Halloween é uma das experiências mais marcantes dentro do parque, visto que o evento difere muito da Hora do Horror do Hopi Hari. São várias zonas de susto espalhadas pelo parque além de um percurso principal dentro de um castelo abandonado. Vai encarar?

Foi fácil ficar horas dentro do Six Flags México, da abertura ao encerramento. As operações eram rápidas e todos os brinquedos possuem muita qualidade. A diversão não parava um só minuto, e quando tinha alguma fila, os mexicanos sempre arranjavam jeito de puxar conversa para passar o tempo.

A atmosfera do Six Flags México é 100% animada, com músicas variando do inglês (hits pop), alemão, espanhol e francês. As paradas técnicas, quando aconteciam (eram raras!), eram resolvidas de forma muito rápida.

O line-up de atrações não é comparável aos outros grandes Six Flags, mas é de muito respeito e sem dúvidas o melhor de toda a América Latina. É impossível qualquer parque da América Latina competir com o line-up do Six Flags México, nem mesmo o Fantasilandia e seus montes de rides. As montanhas-russas Superman, Medusa e WonderWoman são os grandes destaques, assim como o gigantesco Crazanity.

Shows acontecem no parque, sendo um dos Looney Tunes. A Six Flags introduziu agora as orelhas de coelho (algo semelhante às orelhas de Mickey na Disney) e agora junto com as capas dos super-heróis, deixa o ambiente do parque muito mágico.

O Six Flags México dá uma aula de como operar um parque temático na América Latina, especialmente pelo seu cuidado na conservação de suas atrações e estruturas, operações e alimentação. É uma das principais atrações turísticas de todo o México e a principal da capital.


---

Perguntas frequentes:

 

Onde fica o Six Flags México?

O parque temático Six Flags México fica na Cidade do México, no México.

 

Como chegar no Six Flags México?

O aeroporto mais perto do Six Flags México é o aeroporto da Cidade do México (MEX). Carro ou Uber são sempre opções, mas é possível chegar de transporte público através do BRT, descendo na estação Perisur e pegando um Uber ou o ônibus em direção à Camión. Outra opção é via metrô - desça na estação Universidad e saia pela saída da direita para que você possa chegar ao ponto de ônibus. Nele, passam diversos ônibus que passam pelo Six Flags México.

 

Quais são as melhores atrações do Six Flags México?

Superman, Medusa e Wonder Woman.

 

Quais são os melhores meses para visitar o Six Flags México?

Abril a Junho e Setembro a Novembro.

 

Qual é a melhor ordem para fazer as atrações e brinquedos do Six Flags México?

Crazanity / WonderWoman / Batman / Justice League / Supergirl / Boomerang / The Dark Knight Coaster / Medusa / Superman / Rio Selvaje / The Joker / Tsunami

 

Qual é a melhor dica para o Six Flags México?

Chegue no horário da abertura e já garanta uma abertura de dia maravilhosa andando na Superman: Él Último Escape.

 

Que tipos de comida estão disponíveis no Six Flags México?

Há comidas e bebidas de todos os tipos, como comida chinesa, pizza, hambúrgueres, nachos/tacos, funnel cake e pães.

 

Quanto custa o Six Flags México?

O passaporte de 1 dia é aproximadamente 449 pesos mexicanos (R$ 125). Caso você vá mais de um dia, considere a compra do Season Pass, que sai mais em conta. Se você pretender visitar mais Six Flags no período de um ano, considere a compra da Membership (Membresía), porque pagando um valor por mês (R$ 60, por exemplo na Diamond), você pode visitar quantas vezes quiser todos os Six Flags do mundo!

 

Qual é a duração das filas no Six Flags México?

Tranquilas (-30min) a moderadas (+60min).

 

Qual é o site do Six Flags México?

370 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Valleyfair

Comments


StormRunner.jpg

SE SENTIU INSPIRADO? VAMOS VIAJAR!

Conheça nossa agência de viagens!

Na Scream!, você encontra a forma que mais se adequa para você viajar: seja de excursão ou comprando um pacote! Te falei que dá para montar seu próprio pacote e comprar ingressos para os melhores parques espalhados pelo mundo? Ah, tem mais! Dá para você ter seu próprio roteiro personalizado!

bottom of page