top of page

VEJA TODOS OS MEUS
DIÁRIOS DE VIAGEM

Registrei cada passo das minhas viagens em um grande relato - cada viagem tem um nome especial!

Six Flags Over Georgia


Atlanta tem o aeroporto mais movimentado do mundo e abriga uma das maiores diversidades culturais dos Estados Unidos. Foi diante desse cenário, que em 1967, Angus G. Wynne inaugurou seu segundo parque temático Six Flags. O Six Flags Over Georgia rapidamente se tornou um centro de referência no leste para atrações radicais e inovadoras. Isso se manteve em todos as décadas de sua existência.

Six Flags Over Georgia
Goliath no Six Flags Over Georgia
Entrada do parque com a Goliath ao fundo

Antes mesmo de entrar no parque, seu coração já dispara! A Goliath é uma linda gatecoaster (montanha-russa que passa em frente ao portão de um parque), e suas curvas e quedas fazem você ficar admirando por alguns minutos. Quando chegamos ao parque, o trem estava fazendo testes! Como é bom ouvir o som de montanha-russa pela manhã.

Six Flags Over Georgia Entrance
Six Flags Over Georgia Main Street

A entrada do Six Flags Over Georgia é super clássica e tradicional da arquitetura vitoriana. O parque tem uma mini main street, em que lojas (as maiores) e lanchonetes se encontram. Nas primeiras horas do dia, os personagens Looney Tunes estarão no ponto de foto das seis bandeiras, no final da rua.

Nossa primeira parada foi a Georgia Scorcher, montanha-russa em pé. Sendo bastante compacta, a intensidade dela foi bastante forte nas inversões. A experiência de uma montanha-russa em pé depende muito de como você se posiciona no trem: não deixe a regulagem de altura do seu banco nem muito alta (de modo que você fique com suas panturrilhas tensas) ou muito baixa (de modo que você fique com os joelhos dobrados). O segredo, principalmente para os homens, é sentar corretamente, e verificar se nada está te machucando antes do trem partir.

Georgia Scorcher no Six Flags Over Georgia
Montanha-russa em pé no Six Flags Over Georgia
Georgia Scorcher no Six Flags Over Georgia
Georgia Scorcher no Six Flags Over Georgia

Seguindo o percurso pela esquerda, caímos na Dare Devil Dive, uma montanha-russa com subida vertical, queda íngreme e loopings sinistros! O mais legal desse tipo de montanha-russa é a leveza que o trem percorre os trilhos, deixando uma experiência tão agradável e radical que você não cansa de repetir! Como o dia estava chuvoso, a fila dela (como de todas as outras atrações) estava vazia, e assim, não parávamos de repeti-la!

Dare Devil Dive no Six Flags Over Georgia
Dare Devil Dive no Six Flags Over Georgia
Dare Devil Dive no Six Flags Over Georgia

Porém, meu olho de fã incondicional do Batman viu a plaquinha de Gotham City e não pôde deixar de querer correr para ela! Que entrada magnífica! Quando cheguei em Gotham, fiquei tonto sem saber qual brinquedo eu iria primeiro! Queria muito que a The Riddler Mindbender já estivesse pronta, mas essa montanha-russa icônica da história ainda estava sendo modernizada, então corri para a Batman: The Ride.

Gotham City no Six Flags Over Georgia
The Riddler Mindbender no Six Flags Over Georgia

Mais uma Batman, e essa foi a melhor experiência de todas. Não senti a pressão que senti nas outras, e acredito que foi pela suavidade que o trem completava o percurso. O cenário nela também é incrível, te deixando total imerso no esconderijo que o Batman tem no Central Park de Gotham. Os souvenires no final da atração são para deixar qualquer um maluco!

Batman: The Ride no Six Flags Over Georgia
Batman: The Ride no Six Flags Over Georgia

A área tem brinquedos para todas as idades. O The Joker Chaos Coaster é um looping gigante em alta velocidade e o Catwhoman's Whip é uma roda radical que gira inclinada e verticalmente, deixando quem a encara sujeito as mais diversas forças G. Para a família, os giros do Poison Ivy Toxic Spin, Crime Wave e do Harley Quinn Wild Whril estão presentes. Esse brinquedo da Harley Quinn foram um dos melhores momentos do dia - como não tinha fila, o operador deixou rodando sem parar uns cinco minutos! Não conseguíamos parar de rir! Quando terminou, parecia que eu tinha entrado num liquidificador!

The Joker Chaos Coaster no Six Flags Over Georgia
The Joker Chaos Coaster
Crime Wave no Six Flags Over Georgia
Crime Wave
Poison Ivy Toxic Spin, Six Flags Over Georgia
Poison Ivy Toxic Spin
Harley Quinn Wild Whril no Six Flags Over Georgia
Harley Quinn Wild Whril

A chuva havia voltado e estávamos prestes a entrar na Goliath quando ela apertou. Fomos mesmo assim na montanha-russa, e MEU DEUS, QUE EXPERIÊNCIA MALUCA E AGRESSIVA - a chuva vira agulha em alta velocidade, e tinha que proteger MUITO meus olhos com as mãos para que não machucasse meus olhos. Saímos totalmente encharcados e mal sabíamos que íamos experimentar algo parecido muitos parques depois... Sobre a Goliath: sem defeito nenhum. Uma das melhores hiper montanhas-russas dessa fabricante que eu fui!

Goliath no Six Flags Over Georgia

A área infantil do Six Flags Over Georgia é enorme, e eles fundem os personagens da Liga da Justiça com os Looney Tunes em muitos diferentes brinquedos. A estrela da área é a Joker Funhouse Coaster, que infelizmente estava fechada. Mas, todos os pequenos podem ter a sensação de como é ir nos brinquedos maiores em versões menores das atrações mais populares, como a torre de queda livre.

Seguindo à direita, chegamos na Dahlonega Mine Train, a única montanha-russa que inaugurou junto com o parque em 1967 e que continua operando até hoje. Como na montanha-russa de modelo e percurso parecido do Six Flags Over Texas, seu percurso é bruto e nada agradável. É preciso tomar cuidado para não se machucar. Se você deixar isso para trás, ela é mais um pedaço da história das montanhas-russas de aço! Se divertir nos anos 60 era complicado...

Dahlonega Mine Train no Six Flags Over Georgia
Dahlonega Mine Train no Six Flags Over Georgia

Uma das primeiras atrações que você vê chegando no Six Flags Over Georgia é a Acrophobia, uma torre de queda livre diferente. Nomeada através da fobia de medo de altura, a atração começa a subir seus 61 metros de altura de forma giratória, dando belas vistas 360° de todo o parque. Depois disso, alguns segundos depois de chegar ao topo, os assentos caem a 80 km/h em direção ao chão! Não sei muito bem explicar para vocês o porquê, mas ela se tornou uma das minhas torres favoritas! Aliás, sabia que você vai meio que "em pé"?

Acrophobia no Six Flags Over Georgia

Quase na entrada do parque de novo, fomos numa das montanhas-russas que mais estávamos ansiosos: Twisted Cyclone. Ela é uma versão híbrida da mesma montanha-russa que hoje existe no Luna Park em Nova York. Ser híbrida tem suas vantagens: além de uma suavidade absurda no percurso, duas inversões abrilhantam o percurso, além de ter um altíssimo airtime, que é o tempo que você se sente levitar no banco.

Twisted Colossus no Six Flags Over Georgia
Twisted Colossus no Six Flags Over Georgia
Twisted Colossus no Six Flags Over Georgia
Detalhe do trem
Twisted Colossus no Six Flags Over Georgia

Depois de um sorvetinho tomado no Johnny Rockets, fomos para o fundo do parque, onde voamos com o Superman na Ultimate Flight, uma montanha-russa voadora! Esse é o meu tipo de favorito de montanha-russa, especialmente por poder proporcionar uma sensação única para seres humanos: voar! A liberdade de estar na posição de voo do Superman e poder abrir os braços, é inexplicável!

Johnny Rockets no Six Flags Over Georgia
Superman: Ultimate Flight no Six Flags Over Georgia
Superman: Ultimate Flight no Six Flags Over Georgia

Aproveitamos para nos divertir em mais um Justice League: Battle for Metropolis, um brinquedo em que você precisa derrotar os vilões Coringa e Lex Luthor e recuperar os heróis capturados na guerra nas ruas de Metropolis. Queria muito poder atirar direito para me gabar de uma alta pontuação, porém a cada dia que passa, sigo duvidando que isso vá acontecer.

Justice League no Six Flags Over Georgia

Corremos para a The Great American Scream Machine, uma montanha-russa de madeira gigante em extensão, e que tem muito carinho da população de Atlanta. Estávamos ansiosos para ver se ela nos dava algum tipo de airtime, mas ganhamos apenas dores e solavancos. Tadinha... sendo de 1973, não tem muito mais o que exigir.

Great American Scream Machine no Six Flags Over Georgia

Subimos uma colina que existe no meio do parque e damos de cara com um lindo carrossel restaurado do ano de 1906. Esse brinquedo viajou por vários lugares antes de ter sua casa final no Six Flags Over Georgia, onde foi restaurado. Um brinquedo de carros antigos, de balões voadores e de um barquinho o fazem companhia no cantinho mais tranquilo do parque. Juro que às vezes só queria sentar ali e sentir o tempo passar ouvindo todos os brinquedos funcionarem.

Carrossel no Six Flags Over Georgia
Detalhe do ano de fabricação dos carros antigos!

Por falar em ouvir brinquedos, o barulho do trem da Blue Hawk viajando pelos trilhos azuis era difícil não ouvir. Com trens novinhos em folha, essa montanha-russa de percurso ousado se tornou uma experiência muito aceitável, mesmo com sua intensidade absurda! Ela tem uma inversão extremamente rara no mundo, o loop em asas de borboleta!

Blue Hawk no Six Flags Over Georgia
Looping de Borboleta
Blue Hawk no Six Flags Over Georgia
Blue Hawk no Six Flags Over Georgia

Chegamos na área do Velho Oeste e paramos (finalmente!) para comer alguma coisa. Comemos um sanduíche recheado de costela e cream cheese que estava delicioso! Ainda tivemos direito a um mini show do faroeste que acontecia diretamente na praça de alimentação externa. Até consideramos ir no SkyScreamer, mas queríamos curtir mais as montanhas-russas do que repetir uma atração que já estávamos indo frequentemente.

SkyScreamer no Six Flags Over Georgia

Fizemos uma longa digestão enquanto a chuva caía, e assim que ela parou, fomos ao Pandemonium, um dos frisbees enormes que a Six Flags instalou nos seus parques. Aqui tematizado com um clima steampunk, consegui colocar a estratégia de olhar para um ponto fixo enquanto balançávamos e não enjoei, mas o frio na barriga estava lá presente!

Pandemonium no Six Flags Over Georgia

Como o meu amigo gosta muito de atrações de terror, entramos no que o Six Flags chama de Monster Mansion, que pensamos que era um labirinto de terror, mas na verdade era um brinquedo no melhor estilo do Raskapuska do Beto Carrero World. Bonequinhos de monstros felizes e cantantes.

Monster Mansion no Six Flags Over Georgia
Monster Mansion no Six Flags Over Georgia
Monster Mansion no Six Flags Over Georgia

Passamos pelas corredeiras do Thunder River, mas desconsideramos pelo mesmo motivo do SkyScreamer: queríamos aproveitar as montanhas-russas. Lá fomos nós: até o fim do dia, revezávamos entre a Goliath e a Twisted Cyclone. Já estávamos praticamente voando depois de ser tantas vezes "ejetados" de ambas as montanhas-russas.

Thunder River no Six Flags Over Georgia

O Six Flags Over Georgia é um excelente parque para fazer uma visita durante um stopover em Atlanta, por exemplo. É a principal atração da cidade junto com o World of Coca-Cola. Sua alimentação não é muito diferente do padrão dos parques de diversão, mas dá para se alimentar sem problemas. O parque é muito limpo e bem conservado, sendo um destaques da rede Six Flags nesses quesitos.

Goliath no Six Flags Over Georgia
Goliath
Goliath no Six Flags Over Georgia

Ficamos até o fim do dia, quando anoiteceu. Parei um pouco para admirar as últimas pessoas que ainda se divertiam na Goliath. Por algum motivo, naquela noite cheia de sereno, senti que em breve estaria de volta à Atlanta para experimentar o que ficou faltando. Nós nunca sabemos o que a vida pode aprontar, não é mesmo?



---

Perguntas frequentes:

 

Onde fica o Six Flags Over Georgia?

O parque temático Six Flags Over Georgia fica em Atlanta, Georgia, nos Estados Unidos.

 

Como chegar no Six Flags Over Georgia?

O aeroporto mais perto do Six Flags Over Georgia é o aeroporto da cidade de Atlanta (ATL). De transporte público, pegue o metrô até a estação de metrô Hamilton E. Holmes (linha Azul). Da estação, saem ônibus do MARTA (sistema de transporte público de Atlanta) direto para o Six Flags. Carro ou Uber são sempre boas opções.

 

Quais são as melhores atrações do Six Flags Over Georgia?

Goliath, Twisted Cyclone e Dare Devil Dive.

 

Quais são os melhores meses para visitar o Six Flags Over Georgia?

Abril a Junho e Setembro a Novembro.

 

Qual é a melhor ordem para fazer as atrações e brinquedos do Six Flags Over Georgia?

Dare Devil Dive / Mindbender / Batman / Goliath / Georgia Scorcher / Twisted Cyclone / Dahlonega Mine Train / Joker Funhouse Train / Blue Hawk / Great American Scream Machine / Superman: Ultimate Flight / Justice League: Battle for Metropolis / Pandemonium / Acrophobia / Harley Quinn Spinsanity / Joker Chaos Coaster

 

Qual é a melhor dica para o Six Flags Over Georgia?

A fila mais demorada do parque é a da Dare Devil Dive. Procure correr para ela logo que o parque abrir, ou deixe para ir no final do dia!

 

Que tipos de comida estão disponíveis no Six Flags Over Georgia?

Fast-food americano, mexicano e italiano.

 

Quanto custa o Six Flags Over Georgia?

O passaporte de 1 dia é aproximadamente 40 dólares americanos (R$ 225). Caso você vá mais de um dia, considere a compra do Season Pass, que sai mais em conta. Pagando um valor por mês, você pode visitar quantas vezes quiser todos os Six Flags do mundo!O passaporte de 1 dia é aproximadamente 40 dólares americanos (R$ 225). Caso você vá mais de um dia, considere a compra do Season Pass, que sai mais em conta. Pagando um valor por mês, você pode visitar quantas vezes quiser todos os Six Flags do mundo!

 

Qual é a duração das filas no Six Flags Over Georgia?

moderadas (-60min) a intensas (+60min).

 

Qual é o site do Six Flags Over Georgia?

45 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


StormRunner.jpg

SE SENTIU INSPIRADO? VAMOS VIAJAR!

Conheça nossa agência de viagens!

Na Scream!, você encontra a forma que mais se adequa para você viajar: seja de excursão ou comprando um pacote! Te falei que dá para montar seu próprio pacote e comprar ingressos para os melhores parques espalhados pelo mundo? Ah, tem mais! Dá para você ter seu próprio roteiro personalizado!

bottom of page