top of page

VEJA TODOS OS MEUS
DIÁRIOS DE VIAGEM

Registrei cada passo das minhas viagens em um grande relato - cada viagem tem um nome especial!

Canada's Wonderland

Atualizado: 14 de jan.


Quando Alice caiu em um buraco de coelho e foi parar em um lugar fantástico chamado País das Maravilhas, todos nós queríamos estar junto com ela para experimentar as sensações malucas que aquele lugar oferecia. Muitos anos depois de ter lido a história de Lewis Carroll, consegui (finalmente!) ser Alice e encontrar minha própria Wonderland. No lugar do buraco de coelho, passei pelos portões do maior parque temático do Canadá e um dos maiores da América do Norte.

Canada's Wonderland entrance

O Canada’s Wonderland é uma das principais atrações de Toronto, a maior cidade do Canadá. Com 17 montanhas-russas, é o segundo parque temático com o maior número de montanhas-russas do mundo! Visitá-lo era um sonho antigo. Como passei muito tempo pesquisando e conhecendo suas atrações, estava certo que era mais do que necessário dois dias de visita, assim poderia conhecer o máximo de atrações possível. Além da quantidade absurda de montanha-russa, o Canada’s Wonderland também oferece um amplo portfólio de brinquedos radicais.

Canada's Wonderland Wonder Mountain

Meu primeiro dia foi dedicado a ir em todas as montanhas-russas, e o segundo dia foi dedicado a ir em todas as atrações restantes. Como já era verão e final do mês de junho, o parque já estava recebendo excursões escolares. No primeiro dia, uma terça-feira, o público estava relativamente tranquilo, com filas aceitáveis. No segundo dia, uma quinta-feira, um caos tomou conta do parque já na entrada, em que um mar de jovens tentava passar pelas catracas.


PRIMEIRO DIA


Meus olhos custavam a acreditar ao ver o tamanho da Leviathan, maior montanha-russa do Canada’s Wonderland. A Leviathan se estende até os portões de entrada, chamando a atenção de todos que aguardavam entrar no parque. Devido a problemas com a companhia aérea que me levou para Toronto, só consegui entrar no parque duas horas depois do previsto.

Leviathan, Canada's Wonderland
A Leviathan é enorme!

A International Street, rua principal do parque, é linda, com diversos edifícios de lojas e lanchonetes homenageando a arquitetura de diferentes países, como no Kings Island e no Kings Dominion. Ao fundo, a Wonder Mountain deixava o cenário ainda mais sensacional. Como estava muito quente, parei um pouquinho em frente à montanha para pegar a brisa das águas da Victoria Falls, a cachoeira da Wonder Mountain.

Canada's Wonderland
International Street

Corri logo para almoçar e ficar abastecido para o restante do dia, e foi assim que me deparei com um desafio do Canada’s Wonderland: comer. Em todas as lanchonetes, as operações eram extremamente lentas, fazendo todo o processo de alimentação (desde entrar na fila até terminar de comer) durar até uma hora. A lanchonete chinesa Manchu Wok parecia a mais rápida de todas as opções da International Street.

Canada's Wonderland
Os Snoopy do Canada's Wonderland são os melhores!

O caminho mais inteligente para começar é fazer o sentido anti-horário, começando pelas atrações menos disputadas. A primeira área à esquerda da International Street é a Gran World Expo, homenagem à exposição mundial de 1890 em Toronto. A primeira montanha-russa do dia foi a Flight Deck, uma montanha-russa invertida do mesmo modelo da FireWhip do Beto Carrero World, e um pesadelo em relação ao conforto (bate demais!).

World Expo, Canada's Wonderland
Flight Deck, Canada's Wonderland
A tematização da fila da Flight Deck é incrível!
Flight Deck, Canada's Wonderland
Flight Deck, Canada's Wonderland
Flight Deck, Canada's Wonderland

A segunda montanha-russa, a Time Warp, não foi diferente, inclusive, foi uma experiência pior. Voadora, a posição que o passageiro fica na Time Warp acaba sendo muito dolorida quando o trem passa pelas inversões, especialmente para pessoas altas. O que era para ser um voo divertido, virou um enterro! Engraçado que eu não senti essa sensação de morte no Luna Park em Nova York, em um modelo semelhante.

Time Warp, Canada's Wonderland
Time Warp, Canada's Wonderland
Time Warp, Canada's Wonderland

A área de Grand World Expo também oferece a atração Xtreme Skyflyer (pago á parte), um simulador de voo super radical! Basta puxar uma cordinha e você estará voando a partir de 46 metros de altura pelo Canada's Wonderland. Se você curte algo mais leve, o Antique Carousel e o o chapéu mexicano Swing of the Century darão conta do recado. Nessa área, fica o Backlot Café, um dos poucos restaurantes climatizados do parque, e que conta com culinária canadense, do Oriente Médio, indiana, italiana e mexicana. Ele pode ser uma ótima pedida para refeições!

Grand Carousel, Canada's Wonderland
Grand Carousel, Canada's Wonderland
Swing of the Century, Canada's Wonderland
Xtreme Skyflyer, Canada's Wonderland
Backlot Café, Canada's Wonderland

Eu jogava muito Rollercoaster Tycoon 3, e no jogo tinha um brinquedo chamado “Garras da Perdição”. Me lembro que adorava ver como aquele troço funcionava e era sempre um grande destaque nos meus parques. Quando soube que ele existia na vida real e somente no Canada’s Wonderland, ficava torcendo muito para que eu pudesse andar nele. O Sledge Hammer não me decepcionou - sua experiência é tripla: ele gira, ele desafia seu medo de altura e ele faz pequenas quedas livres que faz seu estômago ir na boca! Adorei muito ter ido e ter realizado esse pequeno sonho de infância!

Sledgehammer, Canada's Wonderland
Pirei quando vi essa placa!
Sledgehammer, Canada's Wonderland
Sledgehammer, Canada's Wonderland

Um modelo queridinho meu do Kings Island e do Kings Dominion, a Backlot Stunt Coaster do Canada’s Wonderland é igualmente divertida. Essa montanha-russa é ótima para toda família sentir ótimas emoções, especialmente pelos seus lançamentos de 0 a 64 km/h em 3 segundos e os efeitos especiais. Atravessando uma ponte e chegando à Frontier Canada, a primeira atração da área que homenageia os estados mais ao norte do país, foi a Mighty Canadian Minebuster, uma montanha-russa de madeira que chega a 90 km/h e percorre todo o parque aquático, mas oferece uma experiência dolorosa com muitos solavancos.

Backlot Stunt Coaster, Canada's Wonderland
Backlot Stunt Coaster, Canada's Wonderland
Mighty Canadian Minebuster, Canada's Wonderland
Mighty Canadian Minebuster, Canada's Wonderland

A caça às montanhas-russas nos levou até as áreas infantis. Kidzville tem a montanha-russa suspensa Silver Streak, ótima para crianças grandinhas que desejam ter uma experiência de adrenalina maior que a Taxi Jam, uma pequena montanha-russa somente para crianças (e que não pude ir! :( ). Em Kidzville, dá para encontrar ótimos brinquedos infantis, como pequenas torres, carrosséis, playgrounds, shows, e o Treetop Adventure, um passeio de mini-helicópteros por cima de Kidzville.

Silver Streak, Canada's Wonderland
Silver Streak
Taxi Jam, Canada's Wonderland
Taxi Jam - Proibida para adultos! Ao menos que você tenha uma criança...
Kidzville, Canada's Wonderland
Kidzville, Canada's Wonderland
Kidzville, Canada's Wonderland
Kidzville, Canada's Wonderland
Kidzville, Canada's Wonderland
Kidzville, Canada's Wonderland

No Planet Snoopy, fica a Ghoster Coaster, uma mini montanha-russa de madeira que me surpreendeu pela sua velocidade! Com uma altura de apenas 12 metros, o trem alcança ótimos 56,3 km/h, em quedas íngremes e que fazem todas as crianças sorrirem e gritar de felicidade! O Planet Snoopy também conta com carrossel, bate-bate, mini roda-gigante, mini aviões, playgrounds e uma lindíssima loja temática com vários brinquedos e souvenires da turma do Snoopy.

Planet Snoopy, Canada's Wonderland
Planet Snoopy, Canada's Wonderland
Planet Snoopy, Canada's Wonderland
As crianças do Canada's Wonderland são super radicais para encarar a Ghoster Coaster!
Planet Snoopy, Canada's Wonderland
Planet Snoopy, Canada's Wonderland
O Carousel Kitchen pode ser uma excelente opção para fugir das filas das grandes lanchonentes - temos batatas fritas, cachorros-quentes, frango frito, mac & cheese, queijo grelhado, saladas e frutas frescas!
Planet Snoopy, Canada's Wonderland
Planet Snoopy, Canada's Wonderland
Planet Snoopy, Canada's Wonderland
Planet Snoopy, Canada's Wonderland
Planet Snoopy, Canada's Wonderland

A agilidade das operações dos brinquedos do Canada’s Wonderland é ótima, e isso foi comprovado na montanha-russa The Fly, cujo modelo é conhecido por ser uma desgraça no andamento da fila. Cheguei rapidinho na estação, e a experiência é muito boa, muito mais divertida do que outras montanhas-russas semelhantes que fui. Uma agradável surpresa!

The Fly, Canada's Wonderland
The Fly, Canada's Wonderland

A The Bat, próxima montanha-russa, é um modelo Boomerang, amplamente conhecido. Mais uma vez, muitos solavancos e batidas de cabeça durante as seis inversões que a The Bat faz. Experiência semelhante na Wildebeast, a maior montanha-russa de madeira do parque, que alcança 90 km/h com uma altura de apenas 25 metros. Apesar de não ser muito grande, os dois minutos na Wildebeast foram suficientes para deixar minha coluna doendo mesmo após o fim.

The Bat, Canada's Wonderland
The Bat, Canada's Wonderland
Wilde Beast, Canada's Wonderland
Wilde Beast, Canada's Wonderland
Wilde Beast, Canada's Wonderland

Uma surpresa extremamente agradável depois de ter andado na sofrível Wildebeast foi a Vortex, uma montanha-russa suspensa com o melhor percurso que já vi na vida! O diferencial dessa atração é que os assentos do trem balançam, e além disso, a Vortex sobe até o topo da Wonder Mountain para ganhar uma velocidade incrível e passear pelo lago e pelas árvores de Frontier Canada. Era o tipo de montanha-russa que eu iria sem cansar durante o dia todo!

Vortex, Canada's Wonderland
Vortex, Canada's Wonderland
Vortex, Canada's Wonderland

Fazer essa maratona pelas montanhas-russas do Canada’s Wonderland, em partes, estava parecendo uma experiência de dor e sofrimento. Essa vibe continuou na Dragon Fyre, uma montanha-russa histórica cheia de loopings. São 4 inversões de alta intensidade, que, misturadas a uma tremedeira do trem, fazia com que o passeio na Dragon Fyre não fosse nada agradável. Felizmente, a situação estava prestes a mudar, à medida que chegou a hora de fazer o “trio das maravilhas”, as três maiores montanhas-russas do Canada’s Wonderland: Leviathan, Yukon Striker e Behemoth.

Dragon Fyre, Canada's Wonderland
Dragon Fyre, Canada's Wonderland
Dragon Fyre, Canada's Wonderland

Como já estava na área de Medieval Faire, área temática dedicada à Idade Média, corri para a Leviathan, a giga montanha-russa que fez meu coração disparar já nos portões de entrada. São 93 metros de altura que fazem o trem despencar alcançando 148 km/h de velocidade máxima, em um percurso com colinas gigantescas, curvas agressivas e um túnel!

Medieval Faire, Canada's Wonderland
Medieval Faire, Canada's Wonderland
Medieval Faire, Canada's Wonderland
Medieval Faire, Canada's Wonderland
Todos os cenários e paisagens do Canada's Wonderland são lindos!
Leviathan, Canada's Wonderland
MONSTRA!
Leviathan, Canada's Wonderland

A Leviathan é uma experiência que consegue agradar todo mundo, especialmente pelo seu percurso com colinas largas, que não causa uma sensação de airtime (levitar do banco) tão agressiva, nem joga forças G tão intensas nos passageiros. Ainda assim, é um monstro de montanha-russa, e sem dúvidas, uma das melhores da América do Norte.

Leviathan, Canada's Wonderland
Tente achar a CN Tower enquanto estiver subindo a Leviathan! Olhe para a direita!
Leviathan, Canada's Wonderland
Leviathan, Canada's Wonderland
Leviathan, Canada's Wonderland
Repare como as colinas da Leviathan são bem largas e espaçadas - isso contribui para uma experiência menos agressiva e mais leve!

Antes de passar para o outro lado do parque para andar na Yukon Striker e na Behemoth, fui na Wonder Mountain para andar na Thunder Run, uma das atrações que inaugurou junto com o Canada’s Wonderland em 23/05/1981. A montanha-russa é uma experiência familiar, sendo um passeio divertido em um trenzinho de alta velocidade pelos segredos da Wonder Mountain. Uma fofura!

Thunder Run, Canada's Wonderland

Os parques da Cedar Fair sempre gostaram de montanhas-russas recordistas. A Yukon Striker é a maior, mais rápida e mais longa montanha-russa de mergulho, além de ter o maior número de inversões. São 75 metros de queda em 90º, com uma assustadora paradinha antes. Depois da queda, a sensação é que você simplesmente entrou em órbita e está flutuando em movimentos radicais.

Yukon Striker, Canada's Wonderland
Yukon Striker, Canada's Wonderland
Yukon Striker, Canada's Wonderland
Yukon Striker, Canada's Wonderland
Yukon Striker, Canada's Wonderland
Tem tematização para todo o lado na Yukon Striker!

Nas quatro vezes que a Yukon Striker coloca você de cabeça para baixo, após uma deliciosa queda livre, você sente as melhores sensações da sua vida, em que seu corpo parece descolar da realidade. O cenário é incrível: todo o Canada’s Wonderland ao seu redor, que parece acompanhar a irrealidade dos movimentos da Yukon Striker com você.

Yukon Striker, Canada's Wonderland
Preparado para cair?
Yukon Striker, Canada's Wonderland
MELHOR. MOMENTO. DA. VIDA.
Yukon Striker, Canada's Wonderland
Yukon Striker, Canada's Wonderland
Yukon Striker, Canada's Wonderland

A última montanha-russa foi a Behemoth, uma hiper montanha-russa que foi a primeira de grande porte do Canada’s Wonderland. Com 70 metros de altura, seu percurso é completamente diferente da Leviathan, sendo mais agressivo e intenso, graças às suas colinas “pontudas” e “estreitas”. Esse formato faz com que o airtime na Behemoth seja muito mais forte que na Leviathan, assim como a intensidade das forças G.

Behemoth, Canada's Wonderland
Ver a Behemoth enquanto você está no ônibus é tortura!
Behemoth, Canada's Wonderland
Behemoth, Canada's Wonderland
Repare como as colinas da Behemoth são mais "pontiagudas" e "estreitas", o que proporciona um airtime mais agressivo!
Behemoth, Canada's Wonderland
Behemoth, Canada's Wonderland

Eu AMEI a Behemoth, principalmente porque eu sou daqueles que amam montanhas-russas com airtime intenso. Quanto mais intensidade e sensações que podem me causar medo, melhor. A diferença entre Behemoth e Leviathan me lembra as diferenças entre Intimidator e Fury 325 no Carowinds. De toda forma, isso é apenas uma opinião pessoal. O mais divertido de andar de montanha-russa é que cada um tem uma percepção e todas são incríveis de ouvir!


SEGUNDO DIA


Passado o caos da entrada no segundo dia, eu e meus amigos nos dedicamos a conhecer os muitos brinquedos que o Canada’s Wonderland tem. Apesar da presença da Behemoth, Leviathan e Yukon Striker, o portfólio de montanhas-russas do parque não é sensacional, sendo a maior parte delas experiências completamente esquecíveis ou dolorosas. Para a minha alegria, no segundo dia, pude ver que os brinquedos são o que o Canada’s Wonderland realmente tem de forte.

Chaos at Canada's Wonderland
CAOS

O dia começou na Wonder Mountain’s Guardian, uma atração dentro da Wonder Mountain que mistura montanha-russa com tiro ao alvo. A fila é lenta durante todo o dia, então preferimos ir logo para tentarmos pegar o mínimo de fila possível. A experiência da Guardian é bem divertida, mas o melhor fica para o final: DO NADA, o carrinho cai em uma queda livre de 9 metros para poder retornar à estação!

Wonder Mountain's Guardian, Canada's Wonderland
Wonder Mountain's Guardian, Canada's Wonderland
A parte montanha-russa sai para fora da Wonder Mountain e tem uma mini-queda antes de entrar na parte de tiro ao alvo!

Chegamos à Frontier Canada para experimentar a maluquice que é o Soaring Timbers, duas gôndolas que giram em 360º enquanto um braço gira de forma inclinada. Quem tem estômago fraco jamais pode ir num brinquedo como esse. Eu só conseguia segurar fortemente na minha trava. Sou muito medroso para essas coisas avançadas…

Soaring Timbers, Canada's Wonderland

Vizinho ao Soaring Timbers, o Lumberjack é o tradicional Kamikaze “evoluído”. Nele, os pés ficam para fora, soltos no ar, e a velocidade é consideravelmente maior. Do momento que sentei nele, até o final, só conseguia ver tudo girando, girando e girando… Árvores girando… Pessoas girando… Depois de ter parado de girar, como estava mais calor do que no primeiro dia, não resistimos e fomos para o Timberwolf Falls, um clássico splash. Foi um delicioso banho!

Lumberjack, Canada's Wonderland
Timberwolf Falls, Canada's Wonderland

Indo para Medieval Faire, encontrei aquele que seria um dos melhores brinquedos que já fui na vida: o Shockwave. Parecendo uma gigantesca aranha, o Shockwave me proporcionou ótimas sensações, especialmente de surpresa (o que amo!). Cada braço move-se de forma aleatória, podendo dar cambalhotas inesperadas, giros absurdos e colocar a sua cadeira para se movimentar em todas as direções!

Shockwave, Canada's Wonderland

Medieval Faire é a área em que estão brinquedos raríssimos, pouco encontrado em outros parques do mundo, como o Klockwerks, braços giratórios que pulam, e o Wilde Knight Mares, uma roda giratória na diagonal e na vertical, em que você está preso em uma gaiola sem travas e não se move somente por conta da atuação da força centrífuga! INCRÍVEL! Para dar uma recuperada depois da intensa experiência no Wilde Knight Mares, fui atrás das lojas da Medieval Faire e me deparei com a loja que desafia todas as propriedades intelectuais: você encontra produtos relacionados à outras redes de parques!

Wilde Knight Mares, Canada's Wonderland
Wilde Knight Mares, Canada's Wonderland
Medieval Faire, Canada's Wonderland
Medieval Faire, Canada's Wonderland
Six Flags Wonderland

Para quem gosta da pura queda livre, a Drop Tower é uma ótima opção, especialmente com a vista de todo o parque e de Toronto lá de cima! Já quem gosta de girar igual um louco, a melhor opção é o Spinovator, uma espécie de xícaras malucas em alta velocidade. Eu preferi encarar o Riptide, que conta com braços giratórios duplos, e com jatos d’água!

Drop Tower, Canada's Wonderland
Drop Tower
Spinovator, Canada's Wonderland
Riptide, Canada's Wonderland
Riptide, Canada's Wonderland
Riptide

Apesar das gigantescas filas, conseguimos repetir algumas montanhas-russas, com destaque para a ótima Vortex e a alucinante Yukon Striker. Andar na Yukon Striker no pôr-do-sol foi uma das visões que jamais vou esquecer, mesmo quando estiver super velhinho, tenho certeza.

Canada's Wonderland
Apaixonado!

No caminho da Yukon Striker para a International Street, passei pelo Psyclone, um clássico frisbee pendular; o Windseeker, uma torre gigante em que você gira em cadeirinhas a 92 metros de altura; e o Slingshot (pago à parte), o famoso estilingue que te catapulta a 91 metros de altura no ar a 100 km/h!

Windseeker, Canada's Wonderland
Windseeker infelizmente parado! :(
Psyclone, Canada's Wonderland
Psyclone

Antes de ir embora, ainda deu tempo de ir no Skyhawk, um dos brinquedos mais doidos que já vi na vida! Você entra num avião, esse avião sobe uma torre, e por fim, fica girando lá em cima. Mas calma, não é só isso - você precisa balançar o avião para que ele possa fazer cambalhotas! Isso mesmo, ficar de cabeça para baixo! Um erro comum é balançar o avião muito rápido, o que não fará ele dar cambalhotas. O segredo é balançar pouco no início e manter os balanços em uma velocidade constante até você sentir que ele está prestes a virar de cabeça para baixo. Quando chega esse momento, dá MUITO medo! Me arrepiou super a espinha!

Skyhawk, Canada's Wonderland
Skyhawk

As duas visitas ao Canada’s Wonderland foram recheadas de diversão, alegria e muita felicidade. O portfólio de atrações do parque é algo invejável a qualquer parque temático do mundo, principalmente pela quantidade. É impossível você conhecer tudo em apenas um dia, então reserve dois dias, principalmente se você for daqueles iguais a mim que gosta de conhecer TUDO!

Wonder Mountain, Canada's Wonderland
Wonder Mountain, Canada's Wonderland
Leviathan at sunset, Canada's Wonderland

Tudo é muito limpo, organizado e as atrações funcionam sem paradas técnicas significativas. O capricho é visível em vários pontos das áreas temáticas e fico muito feliz que o Canadá tenha um parque temático tão maravilhoso para chamar de seu. Não tenho dúvidas que o Canada’s Wonderland é o melhor que tem para fazer enquanto está visitando a cidade multicultural de Toronto. Uma pena ter que ir embora!


---

Perguntas frequentes:

 

Onde fica o Canada’s Wonderland?

O Canada's Wonderland fica em Toronto, Ontario, Canadá.

 

Como chegar no Canada’s Wonderland?

O aeroporto mais perto do Canada’s Wonderland é o de Toronto (YYZ). A melhor maneira de chegar é de metrô + ônibus, descendo na estação Vaughan Metropolitan Centre (linha amarela) e pegando a linha de ônibus 20, no Terminal de Ônibus que fica ao lado da estação. A linha 20 te deixa em frente ao parque.

 

Quais são as melhores atrações do Canada’s Wonderland?

Yukon Striker, Behemoth e Leviathan.

 

Quais são os melhores meses para visitar o Canada’s Wonderland?

Abril a Junho e Setembro a Outubro.

 

Qual é a melhor ordem para fazer as atrações e brinquedos do Canada’s Wonderland?

Leviathan / Flight Deck / Time Warp / Sledgehammer / Backlot Stunt Coaster / Mighty Canadian Minebuster / Vortex / The Fly / The Bat / Wilde Beast / Thunder Run / Wonder Mountain’s Guardian / Yukon Striker / Behemoth / Windseeker / Skyhawk

 

Qual é a melhor dica para o Canada’s Wonderland?

Caso dois dias no Canada’s Wonderland não seja possível, chegue 1 hora antes do parque abrir e só saia no último minuto! Além disso, escolha uma das três grandes montanhas-russas para ser a primeira atração do dia e depois, faça a ordem das atrações no sentido anti-horário.

 

Que tipos de comida estão disponíveis no Canada’s Wonderland?

Fast-food estadunidense, chinês, mexicano e canadense, como pizza, hambúrguer, yakisoba, cachorro-quente, nachos, tacos, poutine, e frango frito. Procure se alimentar por volta das 11h ou das 15h, quando as filas ficam consideravelmente menores. Prefira também as lanchonetes do Planet Snoopy e da Kidzville.

 

Quanto custa o Canada’s Wonderland?

O passaporte custa aproximadamente CAD (dólares canadenses) 45 (R$ 250).

 

Qual é a duração das filas no Canada’s Wonderland?

Moderadas (30-60min) a intensas (60min+).

 

Qual é o site do Canada’s Wonderland?

114 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


StormRunner.jpg

SE SENTIU INSPIRADO? VAMOS VIAJAR!

Conheça nossa agência de viagens!

Na Scream!, você encontra a forma que mais se adequa para você viajar: seja de excursão ou comprando um pacote! Te falei que dá para montar seu próprio pacote e comprar ingressos para os melhores parques espalhados pelo mundo? Ah, tem mais! Dá para você ter seu próprio roteiro personalizado!

bottom of page