top of page

VEJA TODOS OS MEUS
DIÁRIOS DE VIAGEM

Registrei cada passo das minhas viagens em um grande relato - cada viagem tem um nome especial!

Santa Cruz Beach Boardwalk

Santa Cruz, pequena cidade praiana, está aproximadamente duas horas da cidade de San Francisco, e com o passar do tempo, se consolidou como um dos principais redutos turísticos da Califórnia. Lar de skatistas e surfistas, o local oferece a oportunidade de uma grande troca cultural, e além disso, estimular muita adrenalina. É perceptível como o skate e o surf estão encarnados nos habitantes de Santa Cruz.

O Santa Cruz Beach Boardwalk opera desde 1907, sendo um marco histórico da Califórnia. Durante todo esse tempo muitas atrações passaram por seu território, porém é claramente perceptível que o parque não perdeu sua essência. Como de costume dos parques de diversões do início do Século XX, é possível pagar somente pelas atrações que queira andar, apesar do Santa Cruz Beach Boardwalk oferecer uma pulseira que dá direito a brincar em todas as atrações ilimitadamente.

O Santa Cruz Beach Boardwalk dispõe de 5 entradas em diferentes pontos do mapa (números 2, 3, 4, 5 e 6) e quatro quiosques para compra dos tickets de atrações e da pulseira. Durante todo o dia, essa infraestrutura atendeu bem a multidão que chegava ao parque constantemente para aproveitar uma manhã ensolarada de domingo. Por ser a beira do Pacífico, ventos constantes refrescaram o dia.

Optei por entrar pela entrada 3 (e pela pulseira!), tendo à esquerda a montanha-russa Undertow, localizada em uma parte elevada cujo acesso é feito por rampas ou escadas. Os carrinhos da Undertow acomodam 4 pessoas por vez, sendo circular, rodando para todos os lados a medida que percorre os trilhos da montanha-russa. É imprescindível manter a cabeça no encosto o tempo todo, visto que a agressividade ao executar os giros inesperados pode dar algum problema no pescoço. Apesar desse detalhe, a Undertow foi eleita minha atração favorita.

Logo à frente da Undertow estão as atrações infantis Beach Swing, pequeno balanço mecânico, e o Jet Copters, carrossel infantil de aviões. Não hesite em embarcar no Sky Glider, teleférico do Santa Cruz Beach Boardwalk. Dele, é possível ter uma visão mágica de toda Boardwalk, assim como da praia e do Oceano Pacífico. Embaixo da plataforma elevada, fica localizado o Speed Bumps, tradicional bate-bate e o Speedway, carrossel de carrinhos para crianças.

Descendo pela escada à direita da Undertow, o Pirate Ship balança à beira das areias da praia, e o Double Shot lança os visitantes a 40 metros de altura em alta velocidade, proporcionando mais uma vista incrível (principalmente se for no pôr-do-sol).

Para os fãs de labirintos temáticos, o Vault Lazer Maze é um com obstáculos de lazer, fazendo o visitante se contorcer todo para alcançar o maior número de pontos e o Fright Walk, é o clássico labirinto de terror, similar ao Katakumb do Hopi Hari. Seguindo em direção a parte coberta do Santa Cruz Beach Boardwalk, encontra-se diversas lojas, restaurantes e dois parques indoors cheios de fliperamas e mini simuladores - o Neptune's Kingdom e o Casino Arcade.

Retornando a área aberta do parque, ultrapassando uma plataforma elevada, um lindo Carrossel datado de 1911 se destaca, seguido pelo Haunted Castle, um trem-fantasma que para os mais corajosos será nada mais do que uma seção de gargalhadas. Acompanhando a maravilhosa atmosfera do parque, painéis anunciam a Giant Dipper, a montanha-russa mais antiga em operação na Califórnia.

O passeio começa com um pre-lift sensacional no escuro, arrancando gritos, que continuam ao passo que o trem completa seu percurso muito bem elaborado. Infelizmente, a Giant Dipper não é nada confortável, sendo o passeio recheado de muitos chocalhos podendo resultar numa dor de cabeça em pessoas mais sensíveis, e batidas de joelhos.

Bem ao lado de sua estação, está o Fireball, um pêndulo de forte intensidade, que é, porém, um pouco menor que os Frisbees do Nicolândia e do Mirabilandia. Logo após o Fireball, o Santa Cruz Beach Boardwalk concentra alguns pontos de alimentação, entre eles o PizzaHut. A alimentação não é cara, com preços das opções variando de US$ 9 até US$ 25. Infelizmente, o parque não oferece um restaurante climatizado e o espaço indoor de mesas era abafado pela falta de ar condicionado. Existem muitas mesas do lado de fora, com guarda-sol.

O Rock'n'Roll é uma espécie de Music Express suspenso, bastante similar ao Matterhorn do Mirabilandia. Seu vizinho, o SeaSwings, é um dos chapéus mexicanos mais bonitos que eu já vi, e proporciona uma vista, que misturada com a brisa marinha, faz surgir a sensação de estar no verdadeiro paraíso.

A última parte do Santa Cruz Beach Boardwalk concentra a maior parte dos brinquedos, começando pelo Riptide, um carrossel giratório (nauseante) e pelo Cliff Hanger, uma espécie de Twister cuja posição é semelhante a Manta do SeaWorld Orlando. Apesar do Oceano Pacífico estar "logo ali", o Santa Cruz Beach Boardwalk tem o Logger's Revenge, um canal de troncos cuja queda ensopa qualquer um.

Duas rodas-gigantes completam a skyline do Santa Cruz Beach Boardwalk: a Ferris Wheel, que opera do modo tradicional, e a Rock-O-Plane, cujas gôndolas giram a medida que a roda maior faz o mesmo. O parque ainda oferece o Tsunami, o clássico Music Express. Perto dessas atrações está uma coleção de brinquedos infantis.

Após a coleção, três brinquedos aguardam os mais corajosos: o Tornado é um mini chapéu-mexicano cujas gôndolas giram para qualquer um dos lados, o Crazy Surf é o já conhecido "Surf" e o Cyclone é o brinquedo com o maior número de Força G de todo o Santa Cruz Beach Boardwalk. Caso escolha o encarar, prepare-se para uma intensidade muito forte, ao ponto de que se torna impossível mexer braços ou pernas durante o funcionamento.

A terceira montanha-russa do Santa Cruz Beach Boardwalk é a Sea Serpent, de apelação infantil. Entretanto, possui uma velocidade considerável, sendo uma excelente diversão para as crianças. Na parte mais baixa do parque, outra coleção de atrações infantis colabora para manter a criançada feliz e sorrindo: o Cave Train Adventure é um passeio de Maria Fumaça por uma caverna cheia de animatrônicos convincentes, o Freefall é uma mini-torre de queda livre e o Space Race é um bate-bate de pneu.

Para os mais adultos, o WipeOut é um Crazy Dance indoor e o Ghost Blasters, trem-fantasma onde quem atirar em mais fantasmas ganha mais pontos, dão conta do recado. O Santa Cruz Beach Boardwalk assim, dispõe de um glorioso equilíbrio entre atrações radicais, infantis e familiares, sendo elas em boa quantidade para um parque de seu tamanho.

Pela grande quantidade de atrações, as filas do Santa Cruz Beach Boardwalk não foram muito longas durante todo o dia, nenhuma ultrapassando 1 hora. Isso ajudou bastante na manutenção do fator diversão, cuja qualidade das atrações, umas clássicas e outras inovadoras, também contribuiu. A conservação do parque é impecável.

O parque opera durante incríveis 12 horas (11:00 até 23:00), tempo mais do que suficiente para andar em todas as atrações, dar vários mergulhos na praia, assistir o pôr-de-sol, e curtir as atrações à noite. Mais uma vantagem é que o Santa Cruz Beach Boardwalk foi o parque mais barato de toda viagem, tanto na comida quanto no passaporte. No estacionamento, o preço foi igual ao do California's Great America, US$ 15. Já nos souvenires, notei uma leve inflação de preços.

O ambiente do parque é completamente maravilhoso. Estando à beira de uma das praias mais famosas e bonitas da Califórnia, o Santa Cruz Beach Boardwalk resgata e mantém a alma dos parques à beira-mar, outrora famosos nos Estados Unidos. Viver essa atmosfera única, recheada com músicas de John Mayer e Colbie Caillat, é algo que definitivamente não pode ser vivido na região de Orlando ou no Brasil.

Santa Cruz é a primeira oportunidade de colocar os pés (ou o corpo inteiro!) no Oceano Pacífico, de águas calmas e geladas. Não hesite em passear pela areia da praia após o almoço ou sentar na areia para ver o pôr-do-sol. Interagir com os locais, muito simpáticos, repito, é uma grande oportunidade troca de cultural. Digo sem medo de errar que Santa Cruz é o ponto mais alto da viagem ao norte da Califórnia e consideravelmente um dos três melhores de toda viagem.


---

Resumão do Santa Cruz Beach Boardwalk:

Alimentação: Fast-food. Ao lado do Fireball, tem um quiosque maravilhoso da Pizza Hut que eu adorei a qualidade!

Como chegar: O aeroporto mais próximo é o de San Francisco (SFO), entretanto o parque fica no em Santa Cruz, há aproximadamente 2 horas e 30 minutos do centro da cidade. Você pode chegar até o parque de carro/Uber ou pegar um ônibus da Greyhound em direção à Santa Cruz.

Dica campeã: Chegue cedo e saia tarde! O legal da visita do Santa Cruz é que você pode aproveitar a belíssima praia da cidade, passear pelas inúmeras lojas de skate e surf, e ainda arriscar um pouco a sorte nos cassinos!

Filas: tranquilas (-30min) à moderadas (+60min).

Melhores atrações: Fireball, Giant Dipper e Undertow

Melhores meses para visitar: Maio, Junho, Setembro e Outubro.

Preço: US$ 30,00

Site oficial: https://beachboardwalk.com/

7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Valleyfair

Comments


StormRunner.jpg

SE SENTIU INSPIRADO? VAMOS VIAJAR!

Conheça nossa agência de viagens!

Na Scream!, você encontra a forma que mais se adequa para você viajar: seja de excursão ou comprando um pacote! Te falei que dá para montar seu próprio pacote e comprar ingressos para os melhores parques espalhados pelo mundo? Ah, tem mais! Dá para você ter seu próprio roteiro personalizado!

bottom of page