top of page

VEJA TODOS OS MEUS
DIÁRIOS DE VIAGEM

Registrei cada passo das minhas viagens em um grande relato - cada viagem tem um nome especial!

Six Flags Discovery Kingdom

Atualizado: 23 de set. de 2020

Crise de identidade em seres humanos é um sério problema psicológico. Felizmente, no mundo dos parques temáticos, esse tipo de crise pode resultar em uma das experiências mais únicas já vividas. Já imaginou dividir seu dia em montanhas-russas de grande porte, brinquedos radicais, exibições de animais terrestres e apresentações de animais marinhos? No Six Flags Discovery Kingdom, onde você não sabe se está num SeaWorld ou num Busch Gardens, tudo isso é possível.

Logo após passar os portões, dá se de cara com uma praça, onde fui recebido por um chafariz desligado em virtude da escassez de água vivida pela Califórnia. Ao seu redor, estão concentradas as principais lojas de souvenires do parque, primeiro sinal claro da crise de identidade: encontra-se pelúcias de animais terrestres, marinhos e dos personagens da DC Comics e Looney Tunes, mascotes da rede Six Flags.

O Explorer Outpost, maior edifício da praça de entrada, é aonde pode-se conseguir informações, reservar visitas guiadas pelo Discovery Kingdom (como o Treinador de Animais por um Dia!) e comprar o fura-fila, denominado de Flash Pass. Seu funcionamento é um pouco complexo: é dividido entre Regular, Gold e Platinum. É fundamentalmente baseado no sistema de espera virtual, em que o visitante recebe um aparelho digital onde reserva uma atração por vez. Ao chegar o horário marcado, o aparelho vibra, e o visitante pode ir a atração a partir daquele horário. Na opção "Regular", espera-se o tempo da fila normal; na opção "Gold", espera-se o tempo da fila normal reduzido em 50% e na opção "Platinum" espera-se o tempo da fila normal reduzido em 90%. Pode-se repetir as atrações quantas vezes quiser. O Flashpass é pago, custando de acordo com a opção desejada. Vale lembrar que até 6 pessoas podem usufruir juntas do mesmo aparelho.

O Discovery Kingdom é retangular, e sua entrada está bem no meio do retângulo. Depois de entrar, é possível seguir pela esquerda (Sea - animais marinhos) ou pela direita (Land - animais terrestres). Cada uma das duas áreas tem mini áreas dentro delas chamadas "Sky", dedicadas aos brinquedos radicais. É melhor indicado começar pela parte Sea pois ao seu final está a Joker Plaza, uma praça com 3 montanhas-russas e o Tsunami Soaker, um carrossel aquático em que o objetivo é atirar água nos outros visitantes, interagindo inclusive com que está do lado de fora.

Uma das montanhas-russas é a Superman: Ultimate Flight, a montanha-russa mais nova do Discovery Kingdom (e uma das mais incríveis da Califórnia) que infelizmente possui uma capacidade baixa, justificando nosso começo pela esquerda, já que pela manhã, assim que o parque abre, suas filas são baixas. A Superman têm três lançamentos em alta velocidade e a sensação de airtime quando o carrinho executa o parafuso é extrema.

Ao seu lado, a ROAR é uma montanha-russa de madeira em que seu percurso é caracterizado por diversas curvas, impossibilitando saber aonde é o seu fim. É um pouco bruta, chacoalhando demais em alguns pontos, porém não deixa de provocar altas doses de adrenalina. A ROAR fechou em Agosto/2015 para uma completa renovação. Foi anunciado em Setembro/2015 que a montanha-russa se passará a se chamar The Joker e contará com 3 inversões!

A V2 - Vertical Velocity foi escolhida como minha montanha-russa favorita do Discovery Kingdom, e os fatores que levaram a essa escolha foi o lançamento sensacional (extremamente intenso) e seu percurso único: seu trem se enrosca em um parafuso construído sobre a entrada do parque e volta em marcha-ré para uma torre vertical.

A parte de animais marinhos lembra bastante o SeaWorld, porém com exibições bem mais modestas. É possível ver arraias, focas, leões marinhos, pinguins, morsas, tubarões, e o principal do Discovery Kingdom, golfinhos. O parque apresenta dois shows de golfinhos, o Discover Our Ocean Friends by the Sea, que explica como é a vida que os golfinhos levam no Discovery Kingdom, e o Drench!, show de acrobacias. Além desses, também existe um show de leões-marinhos. Apesar de ser possível tomar um belo banho refrescante nos shows de animais marinhos, não se pode esquecer do Monsoon Falls, atração similar ao Waimea, do desativado Playcenter.

Para os pequenos, o Discovery Kingdom dispõe de três áreas infantis estrategicamente localizadas. Na parte Sea, a Looney Tunes Seaport abriga 10 brinquedos, entre eles a Roadrunner Express, mini montanha-russa tematizada pelo Papaléguas, carrossel, mini torre, chapéu mexicano do Taz, playgrounds, espaço de fotos, palco de apresentações teatrais, e demais brinquedos que giram. Na parte Land, a Tava's Jungleland também abriga playgrounds, entre eles um aquático, serpentários, torre de balões, passeios de minijeeps, casa na árvore, interações com animais e o Frog Hopper, pequena torre de queda livre.

Bem em frente a Looney Tunes Seaport está a Seaside Junction, com 4 brinquedos, incluindo um pequeno passeio de trem, a Seaside Railway, um carrossel giratório com altura controlável de Pinguins e um playground aquático.

O Discovery Kingdom, similar ao California's Great America, possui uma imensa praça de alimentação a céu aberto, com opções de frango empanado com barbecue, cachorro-quente, sorvete, pizza, cozinha chinesa (Panda Express), peixe frito, cerveja, vinho e pipoca. Não foram encontradas falhas de higiene.

Perto dali, já na parte Land, o White Water Safari é um river rapids que proporciona um belo banho, entretanto, sua operação é muito lerda, podendo ser uma grande perda do tempo do dia. Brinquedos radicais também estão presentes no Six Flags Discovery Kingdom, e se localizam próximos ao White Water Safari. O Hammerhead Shark é um kamikaze sem piso em alta velocidade, o Wave Swinger é o clássico chapéu mexicano, o Monkey Business é um brinquedo ao melhor estilo das xícaras malucas e o Thrilla Gorilla é o clássico Music Express.

Próximos uns aos outros, o Skycoaster é um simulador de bungee jumping do mesmo modelo do Hadikali no Hopi Hari, o Tasmanian Devil é um pêndulo onde o disco central gira a medida que balança, o Scat-A-Bout é um pequeno brinquedo com giros bruscos e a The Ark é o tradicional navio pirata.

A Boomerang, idêntica a atração que existia no Playcenter, está localizada bem no meio das atrações anteriormente citadas e oferece uma experiência suave, emocionante e divertida. Sua fila não é muito longa, e pode ser aproveitada durante qualquer horário do dia.

As outras montanhas-russas de grande porte do Six Flags Discovery Kingdom estão no Oasis Plaza, praça localizada à direita do parque. Nela, o Skyscreamer leva os visitantes a girarem como numa chapéu mexicano a 46m de altura, proporcionando uma linda vista da paisagem californiana. Vizinha, a montanha-russa Cobra é uma montanha-russa familiar de alta velocidade com curvas bruscas, arrancando muitas gargalhadas.

A KONG é uma montanha-russa invertida idêntica a FireWhip no Beto Carrero World, sendo tão desconfortável quanto. Durante todo o passeio, a cabeça bate muito nas proteções de ombro, o que pode se tornar desagradável. Sua fila estava com uma péssima duração devido a operação somente com um trem. A sua frente, estava a nova atração Dare Devil, um carrinho que faz repetidos loops.

A maior montanha-russa do Discovery Kingdom é a incrível Medusa. Sete inversões aguardam os passageiros que ousam desafiar esse monstro amarelo e roxo. Com trens sem piso, é intensa, rápida, suave e desorientante, sendo o máximo de adrenalina dentro do parque. Operando com até 3 trens, sua fila anda rápido, podendo ser feita facilmente (assim como as outras montanhas-russas de sua área) no final do dia. A Medusa tem uma qualidade consideravelmente superior a Kraken, do SeaWorld Orlando.

Infelizmente, pelo tempo apertado de visita, não foi possível visitar o pequeno zoológico do Discovery Kingdom. Entretanto, é sabido que o parque abriga exibições de girafas, leões, elefantes, tigres-de-bengala, lobos, borboletas e jacarés. Além do mais, é possível andar nas costas de um elefante! Um dos destaques dessa área é o respeitado Odin's Temple of the Tiger, onde um dos poucos shows de tigres aprovado pela Conservação Animal dos Estados Unidos é apresentado.

O atendimento do Discovery Kingdom foi excelente, sendo os funcionários muitíssimos prestativos, solidários, simpáticos e cordiais. O parque é muito bem conservado, com árvores e bancos espalhados por todos os caminhos. Entretanto, algumas filas, como a Superman, Kong e Medusa sofrem com a falta de proteção do intenso sol da Califórnia. Outro problema é a junção confusa dos brinquedos radicais em três pontos isolados e distantes um do outro, complicando a formação de estratégias para desejos diferenciados.

Apesar do problema de layout, as atrações do Discovery Kingdom são equilibradas e bem definidas entre radicais, emocionantes e infantis. As montanhas-russas e os brinquedos mantém um alto nível de adrenalina e satisfação durante toda a visita. Todavia, o caminho longo entre um polo de brinquedos e outro contribui para a perda de uma estrela no fator diversão, já que o cansaço de andar grandes distâncias começa a pesar.

A limpeza do parque não apresentou problemas, sendo possível zeladores trabalhando durante todo o dia. As atrações não apresentavam qualquer problema de ferrugem, pintura ou iluminação. Além disso, durante o dia, as atrações Voodoo e ROAR ficaram um longo tempo fechadas. Vale destacar a máxima preocupação com segurança do Six Flags Discovery Kingdom, já que todos os brinquedos possuíam check quádruplo de travas e cintos.

O horário de funcionamento do parque (10h às 21h) é suficiente para curtir todas as atrações e ver os shows. Porém, algumas atrações possuem capacidade baixa (Kong, Superman e White Water Safari), podendo ser um verdadeiro pesadelo se forem feitas fora do horário indicado (fim da tarde). Esse fator prejudica fortemente o parque no quesito de Filas, já que duas dessas atrações são montanhas-russas e uma é uma atração aquática, essencial para ajudar na superação do clima seco e quente californiano.

Combinando três diferentes mundos em um parque só, o Six Flags Discovery Kingdom inova e ousa, sendo um parque único no mundo. Algumas de suas montanhas-russas, como a V2, Superman e Medusa estão entre as melhores de toda a Califórnia, e suas instalações de animais promovem a educação sobre como conservar melhor seus habitats naturais.


---

Resumão do Six Flags Discovery Kingdom:

Alimentação: Fast-food. Existe um lugar, no fundo do parque ao lado das exibições de tubarão, onde fica diversas lojas de comida e um monte de mesas. Meu lugar favorito para comer ali é o Johnny Rockets, devido à qualidade do lanche e custo/benefício.

Como chegar: O aeroporto mais próximo é o de San Francisco (SFO). Para chegar ao parque partindo de San Francisco, você pode chegar de carro/Uber, ou pegar uma barca no Port of San Francisco e descendo na estação de Vallejo, logo após pegando um Uber para o parque.

Dica campeã: Opte por chegar cedo ao parque e vá direto para a área da DC.

Filas: tranquilas (-30min) à moderadas (+60min).

Melhores atrações: Joker, Superman: Ultimate Flight e WonderWoman: Lasso of Truth

Melhores meses para visitar: Maio, Junho, Setembro e Outubro.

Melhor ordem de brinquedos dentro do parque: Wonder Woman Lasso of Truth / Superman Ultimate Flight / Harley Quinn Crazy Coaster / Batman: The Ride / The Joker / The Flash: Vertical Velocity / Monsoon Falls / ALMOÇO / Monkey Business / Thrilla Gorilla / Boomerang / Tazmanian Devil / Medusa / KONG / Dare Devil / Cobra

Preço: US$ 50,00

90 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Valleyfair

Comments


StormRunner.jpg

SE SENTIU INSPIRADO? VAMOS VIAJAR!

Conheça nossa agência de viagens!

Na Scream!, você encontra a forma que mais se adequa para você viajar: seja de excursão ou comprando um pacote! Te falei que dá para montar seu próprio pacote e comprar ingressos para os melhores parques espalhados pelo mundo? Ah, tem mais! Dá para você ter seu próprio roteiro personalizado!

bottom of page