top of page

VEJA TODOS OS MEUS
DIÁRIOS DE VIAGEM

Registrei cada passo das minhas viagens em um grande relato - cada viagem tem um nome especial!

Belmont Park

Dentre todos os destaques da Califórnia, um dos mais interessantes para o turista são os complexos de entretenimento à beira-mar. Recheados de restaurantes com comida típica, lojas com produtos locais que exaltam a vibe californiana e o mais importante, brinquedos para todos os gostos, eles consolidam uma visita incrível ao estado da Costa Oeste. E coube ao Belmont Park na praia Mission Beach em San Diego o papel de fechar minha viagem à Califórnia com um grande sorriso no rosto.

Localizado em frente à praia mais famosa da cidade de San Diego, o Belmont Park é significantemente menor que o Santa Cruz Beach Boardwalk e o Pacific Park no Santa Mônica Pier, dispondo de apenas 11 brinquedos, sendo eles familiares ou radicais. Todavia, outras atrações interativas estão disponíveis, destacando-o perante esses dois. Vale destacar que apesar do Belmont ter como foco o público jovem, crianças também podem aproveitar.

O Belmont possui três esquemas para poder ir nas atrações. A pulseira Normal dá o direito de ir ilimitadamente em 11 brinquedos. Já a pulseira Combo dá o direito de ir nos 11 brinquedos ilimitadamente mais algumas atrações restantes. Fora isso, as duas pulseiras são pagas pela altura, ou seja, caso a pessoa tenha menos de 1,20m, o preço de cada pulseira cai 10 dólares. A terceira forma de pagar é pagando por atração, que é a única opção as atrações que não estão incluídas nas pulseiras.

Destacarei as atrações principais em negrito. Clássicos radicais como o Beach Blaster, um pêndulo que chega a aproximadamente 20 metros de altura enquanto balança, e o Tilt-A-Whril, um brinquedo giratório completamente nauseante, estão presentes.

Além deles, o Belmont reserva surpresas incomuns. O Control Freak é uma espécie de balanço ao extremo: suas extremidades são cadeiras que giram para trás e para frente quanto maior a velocidade! Já o Octotron é um brinquedo cujo formato lembra um polvo, e cada "tentáculo" possui uma cadeira que gira em 360 graus à medida que o corpo central roda. Muitas, mas muitas vezes de cabeça para baixo!

O mesmo tipo (pequeno) de torre de queda livre presente no Santa Cruz Beach Boardwalk e Pacific Park também está no Belmont, assim como os tradicionais bate-bate de carrinhos e pneus. As únicas opções para as crianças são o Speedway, um pequeno circuito de carros, o Crazy Submarine (PN/PC), brinquedo que sobe e desce do mesmo modelo presente no HotZone (RJ) e um carrossel histórico.

O grande destaque do Belmont é uma velha conhecida que atravessa as gerações de San Diego: a montanha-russa de madeira Giant Dipper. Construída em 1925, a montanha reserva bons elementos, como um começo totalmente no escuro! Entretanto, é muito desconfortável, tremendo em todo o percurso. Ademais, possui pequenos airtimes em suas quedas e sua velocidade é muito boa.

O labirinto Lazer Maze é muito desafiador à medida que você precisa passar por salas muitíssimo apertadas sem tocar nos lasers, ao melhor estilo Missão Impossível. O Belmont também utiliza lasers no Laser Tag, um campo de batalha indoor com armas laser. Os jogos de fliperama fecham o trio de atrações tecnológicas.

Os esportes radicais inspiram as outras atrações do Belmont, como a Zip Line (Tirolesa), o Leap of Faith (mini bungee jumping) e o conjunto do Skyclimb e Speedwall, ambas sendo paredes de escalada. O Speedwall diferencia-se por promover uma competição de quem chega mais rápido ao topo. Além desses, o Sky Ropes desperta o lado Indiana Jones em cada visitante, à medida que o desafia a andar por vários pequenos cipós seguidos.

San Diego (e toda a Califórnia) respira surfe, logo o Belmont Park criou dois sensacionais simuladores de ondas, aclamados pela crítica do esporte. O FlowBarrel (US$ 40/hora) possui um tubo de onda constante, sendo usado desde iniciantes à campeões mundiais para treino. O outro é o FlowRider (US$ 20/hora), que cria um fluxo de água em alta velocidade, usado para a prática de bodyboard.

Quem não quiser se arriscar nas pistas de surfe pode curtir o gostoso banho de mar na Mission Beach logo à frente do Belmont ou na The Plunge Pool, uma piscina olímpica indoor (gratuita e aquecida!) de 1925 que hoje promove competições de polo aquático, natação e outras recreações aos visitantes do parque. O quadro de atrações do Belmont fecha com os tradicionais jogos para tentar a sorte e o Tiki Town Mini Golf. O Belmont ainda oferece uma gigantesca academia pública, no mesmo prédio da The Plunge Pool. Vale destacar que foi possível ir sem filas consideráveis em todas as atrações.

A alimentação é o maior destaque do Belmont Park, com restaurantes especializados na comida local. O WaveHouse promove constantes luaus no começo do pôr-do-sol, shows com bandas locais, e possui um cardápio com comida mexicana e sanduíches muitíssimo gostosos bem preparados. Já o Cannonball, além de oferecer a tradicional comida californiana, é especialista em sushi e suas mesas ficam no topo do restaurante, proporcionando uma bela vista de Mission Beach.

O Draft dispões de uma variedade imensa de cervejas e outras bebidas apreciadas pelos habitantes de San Diego, sendo uma excelente opção para à noite. Dá para matar as saudades de casa no Dottie’s Pop Shop, que tem um delicioso açaí! No Belmonty's, são preparados sanduíches lotados de queijo, e no Hot Dog on a Stick, cachorros-quentes no espetinho!

Para encerrar com uma bela sobremesa, o The Sweet Shoppe & Beach Treats oferta gigantes casquinhas, algodão-doce, maçã-do-amor e pipoca, sendo possível adicionar manteiga de amendoim em cada um! O Belmont inclusive ultrapassou limites à oferecer o Dole Whip, um sorvete de creme, abacaxi e chocolate, exclusivo dos parques Disney americanos.

Ao redor do parque estão localizadas algumas lojas com produtos oficiais de surfe e da cidade de San Diego, como pranchas, bonés e vestimentas em geral. Apesar dos preços das lojas e restaurantes serem bastante elevados por conta dos produtos oficiais (além da inflação turística detectada), os preços individuais dos brinquedos (variam de US$ 3 à US$ 6) e das pulseiras são justos.

O parque parece guardar o mesmo ambiente de anos de história, sendo um excelente passeio para o final da tarde e adentrar à noite, sendo seu horário de funcionamento mais do que suficiente (11h às 22h nos dias de semana e até meia-noite nos fins de semana). Os ventos vindos do Oceano Pacífico são muito gostosos e a praia tem um clima tão agradável quanto Santa Mônica e Santa Cruz. Caso se depare com um lual, não deixe de participar! É uma experiência única.


---

Resumão do Belmont Park:

Alimentação: Fast-food e restaurantes de buffet (self-service). Meu lugar favorito para comer é o El Jefe (eu amo tacos!) ou o Belmonty's Burgers (eu amo hambúrgueres!). Talvez eu ame mais tacos do que hambúrgueres.

Como chegar: O aeroporto mais próximo é o de San Diego (SAN), entretanto o parque fica apenas a 2h de Los Angeles (LAX). Caso fique hospedado em San Diego, prefira um Uber ou vá de carro, mas caso fique hospedado em Los Angeles, considere pegar um trem/ônibus ou vá de carro. Uber acaba se tornando uma opção cara.

Dica campeã: Reserve um dinheiro a mais e tenha uma experiência de surfista no FlowRider.

Filas: tranquilas (-30min).

Melhores atrações: Giant Dipper, FlowRider e Octotron.

Melhores meses para visitar: Maio, Junho, Setembro e Outubro.

Preço: US$ 31,00

47 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Kommentare


StormRunner.jpg

SE SENTIU INSPIRADO? VAMOS VIAJAR!

Conheça nossa agência de viagens!

Na Scream!, você encontra a forma que mais se adequa para você viajar: seja de excursão ou comprando um pacote! Te falei que dá para montar seu próprio pacote e comprar ingressos para os melhores parques espalhados pelo mundo? Ah, tem mais! Dá para você ter seu próprio roteiro personalizado!

bottom of page