top of page

VEJA TODOS OS MEUS
DIÁRIOS DE VIAGEM

Registrei cada passo das minhas viagens em um grande relato - cada viagem tem um nome especial!

Disneyland

O ano era 1955. No dia 17 de Julho, Walt Disney inaugurava um lugar cheio de inéditas características. Era aonde o mais adulto de todos os adultos voltaria a ser uma eterna criança. Lendas diziam que nele o giro de um carrossel sob a sobra de um lindo castelo alegraria a mais triste criança. Suas placas diziam que lá pais e filhos poderiam se divertir, sempre juntos. Boatos rolavam sobre a possibilidade de se visitar mundos de fantasia, do passado e do amanhã. E esse lugar foi chamado de Disneyland.

A Disneyland é o primeiro parque Disney construído, sendo o segundo parque temático inaugurado em todo mundo. Visitá-la é respirar história, e reparar em como cada atração, pois mais que se repita em outros parques, é única. Apesar de ser hoje considerado apenas um Greatest Hits (seleção das melhores atrações) dos parques do Walt Disney World, a Disneyland carrega elementos que a fazem não ser melhor nem pior que o Magic Kingdom, apenas diferente.

O sistema de furafila da Disneyland continua sendo o antigo Fastpass, que existia nos parques do Walt Disney World. Funciona de maneira que cada atração popular possui um posto de distribuição do Fastpass, um ticket que indica em qual intervalo de hora no dia você pude furar a fila. As distribuições de Fastpass das atrações costumam encerrar por volta de 12h.

Durante todo o ano de 2015, a Disneyland comemorou o 60 anos de aniversário, fazendo uma grande celebração intitulada de Diamond Celebration (Bodas de diamante). Todo o resort está enfeitado, deixando um ambiente muito mais alegre e imersivo à data tão especial. Todos os souvenires, faixas e personagens estão caracterizados em azul e branco, as cores escolhidas para a celebração.

A Disneyland abre às 8h, porém no dia de minha visita, por conta da Extra Magical Hours, já estava aberto desde das 7h, impossibilitando ver a cerimônia de abertura. O Extra Magical Hours é um benefício dado aos hóspedes dos hotéis Disney para aproveitar o parque com uma hora de antecedência antes da chegada do público normal. Mesmo assim, procure chegar pontualmente às 8h para pegar as atrações sem filas muito grandes.

Em 2015, ao passar pelos portões, o cenário encontrado é o da pequena cidade americana de interior, a Main Street, onde Walt Disney cresceu. Fui informado previamente por locais que logo na Town Square, a praça inicial do parque, é interessante se dirigir à Disneyland City Hall, à esquerda, para obter o botton de primeira visita ao parque. Sabendo desse fato, ao chegar na City Hall, que na verdade é o Centro de Atendimento ao Visitante, foi me dito que o botton não estava disponível, sendo me pedido para procurar nas lojas. Achei estranho em um primeiro momento algo estar em falta em um parque Disney, mas mal sabia eu que minha aventura ao botton perdido estava apenas começando. A cada loja que passava na Main Street, ninguém possuía o botton, e tampouco algum funcionário se importava em procurar, não cumprindo a filosofia Disney de agradar o visitante. Só fui achá-lo na última loja da Main Street.

Bem ao lado da City Hall está o Departamento dos Bombeiros, que apesar de no início não parecer conter nada especial, é nele que está localizado, na janela do segundo andar, o lampião que representa a vida de Walt Disney. Desde de sua morte, o lampião jamais foi apagado. Além do lampião, todo o segundo andar é uma réplica da casa de Walt.

A Main Street da Disneyland possui alguns prédios diferentes do que se está acostumado a ver no Magic Kingdom em Orlando, como o Main Street Cinema, sala de cinema em que o filme Steamboat Willie (primeiro filme de Mickey!) passa o dia inteiro, e a Opera House, uma espécie de museu da Disneyland em que exposições e um filme estão disponíveis. De resto, os prédios oferecem as tradicionais lojas de souvenires, cafeterias e padarias.

Caso queira transitar de maneira rápida entre o início e a praça central da Disneyland, onde a estátua de Mickey e Walt se encontra), pegue um dos 4 veículos que fazem o transporte: carruagens, carro antigo, carruagem antiga motorizada ou ônibus de dois andares.

Ao fundo da Main Street está o Castelo da Bela Adormecida, primeiro símbolo da Walt Disney Pictures. Ao contrário do Castelo da Cinderela no Magic Kingdom, é possível fazer um passeio por dentro do Castelo. Por conta da Diamond Celebration, a construção estava especialmente decorada, exaltando mais ainda sua beleza.

A primeira atração do dia foi a Matterhorn Bobsleds, a primeira montanha-russa em aço do mundo. Por ter uma capacidade baixa, é recomendável ir nela bem no começo do dia. Seus trens são similares à Space Mountain do Magic Kingdom, onde apenas uma pessoa vai por assento. Seu percurso é tranquilo, sendo recheado de curvas e quedas repentinas. Durante o passeio, preste atenção no incrível Yeti animatrônico e na vista de toda Disneyland! Aviso: não existe nenhuma atração igual à Matterhorn no Walt Disney World.

Caso seja muito fã do filme Procurando Nemo (muito fã MESMO!), não hesite em ir na Finding Nemo Submarine Voyage. Caso contrário, pule essa atração. O brinquedo é um apertado submarino que passa por cenários e cenas do filme embaixo d'agua, sem qualquer tipo de ser vivo. Sua fila é bastante cheia e demorada ao longo de todo dia, sendo tranquila somente nas primeiras horas de operação da Disneyland.

Esperava muito mais da Tomorrowland da Disneyland por ter sido a que originou todas as outras. A área tem um clima de abandono, com estruturas de antigas atrações ainda amostra. Sua principal atração é a Space Mountain, completamente diferente da do Magic Kingdom, sendo mais rápida e com mais efeitos especiais durante o percurso.

O simulador Star Tours e a atração de tiro ao alvo em 3D Buzz Lightyear Astro Blasters são os únicos brinquedos presentes em outro parque (Disney's Hollywood Studios e Magic Kingdom, respectivamente) que não apresentam nenhuma diferença significativa. O carrossel de naves espaciais, Astro Orbitor, encontra-se no chão ao invés de elevado como no Magic Kingdom. Dele, é possível ter uma linda visão do Castelo da Bela Adormecida. A pista de carros elétricos, similar a um autorama, Autopia é recomendada somente para crianças.

A Adventureland concentra uma das melhores atrações de toda Disneyland: a Indiana Jones Adventure. Similar ao simulador Dinosaur no Disney's Animal Kingdom, o brinquedo por muitas vezes parece uma montanha-russa, cheio de solavancos e quedas fortes! Neste brinquedo, assim como na Matterhorn Bobsleds e Splash Mountain, é oferecido o serviço Single Rider, benefício de fila separada (tempo de fila consideravelmente menor) aos visitantes que se dirigem ao parque sozinhos. Caso um grupo queira usufruir do serviço, precisa ter em plena consciência que serão separados no momento do embarque da atração.

Para aqueles que gostam de expedições florestais, o Jungle Cruise pode deixar seu dia mais divertido! O passeio tem um percurso diferente do Magic Kingdom, possuindo mais cenários de alguns rios famosos do mundo. A diversão mesmo fica por conta das piadas contadas pela capitã do barco (em inglês). Para as crianças, as atrações Enchanted Tiki Room (bonecos tiki falantes) e Tarzan Treehouse (casa na árvore) podem ser interessantes.

Os mais crescidos irão gostar das aventuras do Capitão Jack Sparrow em Pirates of the Caribbean, atração que deu origem ao filme e as outras espalhadas em outros parques Disney. Seu principal destaque são as duas quedas no escuro, pegando os desavisados de surpresa. Essa atração fica na exclusiva área New Orleans Square, uma homenagem de Walt Disney à cidade.

Outra conhecida atração localizada nesta área é a The Haunted Mansion, completamente diferente da do Magic Kingdom, por fora e por dentro. Maior, contém cenários únicos e projeções de espantar os olhos! Dificilmente assustará adolescentes e adultos, mas carrega uma boa diversão.

Nos dias quentes e secos do verão californiano a Splash Mountain tem facilmente o maior tempo de fila de todo a Disneyland, podendo chegar até 120min. Seu trajeto, mais uma vez, é diferente da do Magic Kingdom, possuindo mais quedas repentinas. Por conta do formato de seu barco, permitindo um visitante por assento, é mais fácil se molhar no primeiro.

A área da Disneyland em que a Splash Mountain fica é a Critter Country, não presente no Magic Kingdom. Nela, se faz uma menção aos animais selvagens, especialmente ao urso, símbolo da Califórnia. Porém, outro urso bastante famoso por lá é o Pooh em sua atração The Many Adventures of the Winnie the Pooh. Esse brinquedo é um dos piores já feitos pela Disney em matéria de tecnologia, assim como sua versão de Orlando. Entretanto, pode ser divertido para as crianças fãs do ursinho amarelo. Vale lembrar que logo na saída da atração é possível encontrar Pooh e o coelho Abel. Caso deseje ter uma aventura em canoas pelos Rivers of America, entre na Davy Crockett's Explorer Canoes.

Pela Frontierland, área dedicada ao Velho Oeste americano, estão duas grandes atrações já conhecidas de quem foi ao Walt Disney World. A Big Thunder Mountain Railroad, de traçado diferente, é uma montanha-russa com curvas em alta velocidade e quedas leves, sendo consideravelmente mais suave que a da Flórida.

A outra é o show Fantasmic!, realizado não em um estádio, mas sim à beira dos Rivers of America, o que causa uma confusão generalizada na hora de assistir o show em virtude do espaço ser pequeno (a dica é chegar pelo menos 1h antes do show começar). A Disneyland oferece duas sessões do Fantasmic, além do fastpass, que te dá o direito de ver o show em um lugar melhor. Outras atrações da Frontierland incluem tiro ao alvo, a ilha pirata do Tom Sawyer e os barcos gigantes Columbia e Mark Twain.

Como todo parque Disney, o coração é a Fantasyland. Localizada bem atrás do Castelo da Bela Adormecida, a área possui muitos dark rides antigos, que foram inaugurados nos primeiros anos de Disneyland. Para as crianças, um deleite ver seus personagens favoritos em incríveis cenários. Os principais são Pinocchio's Daring Journey, Snow White's Scary Adventures, Mr Toad's Wild Ride, Peter Pan's Flight e Alice in Wonderland. Cada um deles conta, de forma lúdica, a história dos personagens em questão.

Também está presente a Bibbidi Bobbidi Boutique, o clássico salão que transforma as meninas em princesas, o Carrossel do Rei Arthur e os elefantinhos do Dumbo! A Disneyland ainda oferece o Casey Jr Circus Train, locomotiva que leva a miniaturas de cenários dos filmes Disney. Também por miniaturas de filmes como Frozen, Cinderela, Branca de Neve, Peter Pan e Aladdin passa o Storybook Land Canal Boats.

As princesas não ficam de fora da Fantasyland, tendo um espaço só para elas: o Fantasy Faire. Lá, o Royal Theatre apresenta peças com diversas princesas ao longo do dia (incluindo Anna e Elsa!) e o Royal Hall é o lugar onde se pode tirar foto com as princesas mais famosas do mundo de Disney, como Belle e Cinderela.

Ao fundo da Fantasyland está o primeiro "it's a small world" inaugurado, sendo consideravelmente maior que o do Magic Kingdom. Ao seu lado está a entrada para a Mickey's Toontown, área dedicada aos quadrinhos de Mickey e sua turma. Suas construções diferem do resto da Disneyland, dando a impressão de estar dentro das histórias do ratinho.

Suas principais atrações são a Casa do Mickey e da Minnie, onde é possível tirar fotos com os personagens, além da Gadget's Go Coaster, uma montanha-russa infantil. Outras atrações incluem a casa de trapalhadas do Pateta, o barco do Donald, a casa da árvore do Tico e Teco e o Car Toon Spin, brinquedo que passa por cenários de uma cidade.

Vale lembrar que a Mickey's Toontown foi extinta no Magic Kingdom para dar lugar a expansão da Fantasyland. Isso tornou a Disneyland o único parque Disney nos Estados Unidos com a oportunidade de visitação da Casa de Mickey e Minnie, por exemplo.

Em relação aos grandes espetáculos promovidos, a Disneyland oferece quatro opções, todas imperdíveis. Além do Fantasmic!, já mencionado, dois desfiles de carros alegóricos aconteciam. À tarde, por volta das 16:30, a Mickey's Soundstational Parade trouxe personagens como Aladdin, Simba, Rapunzel, Aurora, Branca de Neve, Ariel, Sininho (entre outros!) ao som de uma música muitíssimo animada. Um dos destaques é Zé Carioca, personagem criado por Walt Disney para homenagear o Brasil.

O outro desfile foi a empolgante, sensacional, mágica, incrível e deslumbrante Paint the Night Eletrical Parade. Sendo o desfile Disney de maior qualidade já visto por mim até então (a Main Street Eletrical Parade do Magic Kingdom fica no chinelo), a Paint the Night contagia qualquer pessoa fã (ou não) dos desenhos Disney, através de muito colorido aliado à uma trilha sonora extremamente divertida.

Logo após a Paint the Night, o Disneyland Forever invadiu os céus da Disneyland, uma exibição de gala com fogos de artificio, canhões de luz e algo inédito nos parques Disney dos Estados Unidos - projeções nos prédios da Main Street! Apesar do nome, o show homenageia algumas animações como Procurando Nemo, Mogli, Alice, Pequena Sereia e o Rei Leão.

Na visita de 2018, pouco tinha mudado na Disneyland. O show de encerramento havia mudado, e algumas obras foram realizadas no parque com o objetivo de melhorar o fluxo de visitantes. Além do mais, foi possível ver as grandiosas obras da Galaxy's Edge, a nova área dedicada aos filmes de Star Wars.

O número de atrações da Disneyland é o maior de todos os parques Disney nos Estados Unidos, e apesar de não ter atrações muitíssimo radicais (presentes no vizinho Disney California Adventure), a Disneyland consegue cumprir sua promessa de fornecer diversão à todas as idades. A operação dos brinquedos é bastante rápida, fazendo as filas durarem "apenas" de 40 à 60min, o que não deixa de ser um bom intervalo de tempo para um parque tão cheio todos os dias. Isso contribui para uma manutenção regular do fator diversão, que aliado à qualidade das atrações da Disneyland (com única exceção ao The Many Adventures with Winnie the Pooh), se torna um ponto forte do parque. Seu horário de funcionamento, das 8:00 à 00:00, é suficiente para ir em todas as atrações planejadas.

Durante todo o dia nenhum brinquedo apresentou paradas técnicas ou estava fechado. Não foram notadas qualquer falta de conservação artística em atrações ou restaurantes. A alimentação da Disneyland é de primeira linha, sendo possível comer em restaurantes à la carte, padarias/cafeterias ou fast-food. Como nos outros parques visitados, a variedade dos tipos de comida permanece a mesma: massas, sanduíches gigantes, carnes com batata frita ou frutos do mar.

Os preços da Disneyland (como todos os parques Disney) não são baratos, sendo o parque mais caro de toda a viagem pela Califórnia. Seu ingresso custa US$ 100, e caso fique em um hotel conveniado ao resort opte por ir de shuttle, um benefício para os hóspedes. Os souvenires dentro da Disneyland possuem preços inflados, especialmente os relacionados ao filme Frozen. Apesar da tradição, a Disneyland está longe de ser um bom custo/benefício em relação aos outros parques da Califórnia.

Andar por todo o parque, com um pouquinho de imaginação, nos remete ao início do império de Walt Disney no ramo de parques temáticos. É perceptível que muito da arquitetura do parque é um pouco mais simplista e rústica comparada ao Magic Kingdom, segundo parque idealizado por Walt Disney. Nem por isso a sexagenária Disneyland perde a magia de encantar cada convidado que passa pelos seus portões, todos os dias.


"Só espero que nunca esqueçam uma coisa - tudo começou por um rato."

Walter Elias Disney


---

Resumão da Disneyland:

Alimentação: Fast-food e restaurantes à la carte (table service).


Meu lugar favorito para comer é o Alien Pizza Planet, perto da Space Mountain, por ter pizzas, massas e saladas. Entretanto, há inúmeros outros pontos legais para comida rápida, como o Galactic Grill (Tomorrowland), Red Tose Tavern (Fantasyland), Hungry Bear Restaurant (Critter Country) e no The Golden Horseshoe (Frontierland). Recomendo muito fazer um café da manhã com os personagens da Turma do Mickey no Plaza Inn e ter um jantar no Blue Bayou Restaurant. Fã de Star Wars? Faça uma reserva com no mínimo 60 dias de antecedência para a Oga's Cantina, um gigantesco bar com drinks variados! As reservas podem ser feitas através do app My Disneyland.

Como chegar: O aeroporto mais próximo é o de Los Angeles (LAX). Para chegar ao parque, é recomendável ir de carro ou Uber. Alguns hotéis em Anaheim oferecem shuttle ida-e-volta gratuito da Disneyland.

Dica campeã: Assim que chegar ao parque, corra para a estação do Mark Twain Riverboat. Ao lado dela e em frente ao restaurante The Golden Horsheshoe estão as máquinas de Fastpass do Fantasmic!, espetáculo que encerra o dia no parque. Pegue o Fastpass para aproveitar o show com uma excelente visão.

Filas: moderadas (+60 min) a pesadas (+120 min).

Melhores atrações: Star Wars: Rise of the Resistance, Matterhorn Bobsleds e Space Mountain.

Melhores meses para visitar: Maio, Junho e Outubro.

Melhor ordem de brinquedos dentro do parque: Star Wars: Rise of the Resistance / Millennium Falcon: Smugglers Run / Matterhorn Bobsleds / Space Mountain / Indiana Jones Adventure / Pirates of Caribbean / Haunted Mansion / ALMOÇO / Splash Mountain / Big Thunder Mountain Railroad / "it's a small world" / Casa do Mickey e da Minnie / Finding Nemo Submarine Voyage

Preço: Os ingressos da Disneyland são divididos perante o número de dias de visitação e podem ser Park Hopper e Non-Park Hopper. Quando um ingresso é Park Hopper você pode ficar pulando de parque em parque em um dia, isto é, visitar mais de um parque em um dia. Você pode ficar indo e voltando da Disneyland e do Disney California Adventure.


Os preços variam de acordo com a lotação (tranquila, normal, alta) prevista para o dia. Os preços do ingresso de 1 adulto em dias tranquilos são:

1 dia, non-park hopper - US$ 104

1 dia, park hopper - US$ 154

2 dias, non-park hopper - US$ 225

2 dias, park hopper - US$ 280


Disney MaxPass - Passe especial da Disneyland que custa US$ 15 por dia e por ticket. Com ele, você pode escolher os fastpass pelo aplicativo My Disneyland e tem download ilimitado das fotos tiradas pelo Disney PhotoPass no dia.

43 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Valleyfair

Comments


StormRunner.jpg

SE SENTIU INSPIRADO? VAMOS VIAJAR!

Conheça nossa agência de viagens!

Na Scream!, você encontra a forma que mais se adequa para você viajar: seja de excursão ou comprando um pacote! Te falei que dá para montar seu próprio pacote e comprar ingressos para os melhores parques espalhados pelo mundo? Ah, tem mais! Dá para você ter seu próprio roteiro personalizado!

bottom of page